Apple Watch Hermès: para Jony Ive, parceria entre as empresas é algo nunca antes visto na Apple

Todos sabem e não é novidade para ninguém: a Apple sempre foi e ainda é, dentro do possível, uma empresa que preza pelo segredo, principalmente quando estamos falando de produtos que ainda não foram lançados. Por essas e outras, me surpreendeu a informação de que a Hermès soube do projeto Apple Watch ainda no ano passado, antes de a Apple apresentar o produto publicamente.

Durante o evento especial no qual novas cores de Apple Watch Sport e pulseiras foram lançadas — além, é claro, do iPad Pro, da nova Apple TV e dos novos iPhones —, a Apple anunciou uma parceria exclusiva com a tradicional marca francesa. A partir de outubro, a Hermès comercializará modelos exclusivos do Apple Watch (de aço inoxidável). Serão três, no total.

Na verdade o relógio é “o mesmo”. Os diferenciais são dois: um mostrador exclusivo da marca e três opções de pulseiras feitas de couro. Confira-as a seguir.

Double Tour

Apple Watch Hermès

A pulseira longa do famoso modelo Double Tour dá duas voltas e envolve o pulso de forma elegante. Disponível na caixa de 38mm de aço inoxidável, com pulseira de couro Hermès em quatro cores: fauve, étain, capucine e bleu jean.

Single Tour

Apple Watch Hermès

O design clássico da Hermès. O fecho foi inspirado nas tiras de uma sela para cavalo, remetendo à herança equestre da marca. Disponível nas caixas de aço inoxidável de 38mm e 42mm, com pulseira fauve ou noir de couro Hermès. A caixa de 38mm está disponível também com pulseira capucine de couro.

Manchette

Apple Watch Hermès

Inspirada em equipamentos equestres, a refinada pulseira Manchette em couro Hermès é adaptada para permitir que o sensor de frequência cardíaca permaneça em contato com o pulso. Disponível na caixa de 42mm de aço inoxidável com pulseira fauve em couro Hermès.

Em entrevista para o Wall Street Journal, além de compartilhar essa informação de que a colaboração entre as empresas começou em 2014, antes de o Apple Watch ser lançado, Jony Ive (chefão de design da Apple) informou ainda que a promoção da marca Hermès no mostrador exclusivo é algo inédito. Pense só: ao usar o Apple Watch Hermès, a única marca visível no relógio é a da empresa francesa. Em 23 anos de Apple, Ive disse nunca ter visto algo assim.

Ao ver uma parceria dessas — e eu incluiria os Apple Watches Edition nesse bolo —, muitos usuários podem pensar que a Apple está deixando seus produtos cada vez mais exclusivos. Pois Ive discorda veementemente disso. O designer afirmou que não se sente confortável com a palavra “exclusivo”, dizendo que sua empresa investiu tanta atenção nos Apple Watches Hermès quanto nos Apple Watches Sport (a linha mais em conta).

Na entrevista, Ive também disse que ambas as empresas estão abertas para desenvolver novas parcerias — muitos apostam em modelos especiais de iPhones, por exemplo, seguindo essa ideia dos relógios. Mas a verdade é que, independentemente de vermos iPhones “exclusivos”1 por aí, eu apostaria dinheiro que a Hermès é apenas a primeira de outras parceiras que se juntarão à Apple para lançar linhas de relógios assim — a Burberry (ex-casa de Angela Ahrendts, atual chefona das lojas da Apple) poderia ser uma delas.

Apple Watch Hermès
Caixas diferenciadas que acompanham o Apple Watch Hermès

O relógio será vendido a partir do dia 5 de outubro em lojas Hermès e algumas selecionadas da Apple em 14 países, incluindo EUA, China, França e Suíça. Os preços variam de US$1.100 para a pulseira Single Tour de 38mm a US$1.500 para a Manchete com relógio de 42mm.

[via 9to5Mac]

Taggeado:

Posts relacionados

Comentários