Como previsto, o Apple Watch está agora oficialmente lançado no Brasil

Vários modelos de Apple Watches

Conforme anunciado há exatas duas semanas, o Apple Watch foi lançado final e oficialmente hoje no Brasil (e na Colômbia).

As três linhas do relógio — Apple Watch Sport, Apple Watch e Apple Watch Edition — estão disponíveis para compra online, nas duas Apple Retail Stores brasileiras (em São Paulo e no Rio de Janeiro) e também em 21 revendedoras autorizadas em cidades como Belo Horizonte, Porto Alegre e Curitiba — segundo a Folha de S.Paulo —, provavelmente em Apple Premium Resellers como a iPlace e a a2YOU.

Os preços do Apple Watch no Brasil vão de R$2.899 a R$135.000 quando parcelados em até 12 vezes, ou de R$2.609 a R$121.500 quando pagos à vista.

Posts relacionados

Comentários

196 comments

  1. Estava certo de compra uma pulseira nova quando fosse lançado aqui mas depois de ouvir a revolta do Breno no podcast mudei de opinião, realmente esta um absurdo os valores pagos e o quanto é caro o que levamos na mochila.

  2. ah, tá! Bem fácil pagar isso num relógio! Só quando terminar de pagar meu financiamento do BNDES para comprar meu Macbook novo. Fiz em 120 vezes!

  3. É uma vergonha isso.. Ontem li o valor dos tributos que consta em uma venda de um iPhone 6 na Fnac, quase 2.000 so de imposto !

  4. Com 135mil eu comprava um AP, um carro, quitava a faculdade e ainda sobrava um bom dinheiro pra investir… Mas,cada um tem suas prioridades ne?

  5. Exatamente.
    Eu sei de uma coisa, se for optar por um “smartwatch”, eu comprarei o moto 360 2.
    Mais bonito e com preço mais acessíveis.

  6. Quem tem como prioridade um relógio de ouro não tá preocupado com seu preço hehe. E esse ainda faz várias coisas. Tem alguns que são “apenas” relógios e custam mais do que isso.

  7. Quem tem como prioridade um relógio de ouro não tá preocupado com seu preço hehe. E esse ainda faz várias coisas. Tem alguns que são “apenas” relógios e custam mais do que isso.
    Mas que é um abuso absurdo, é.

  8. Um ótimo gadget para facilitar a vida dos ladrões. Afinal, é para ser usado EM CONJUNTO com um iPhone. Portanto, o meliante dirá: “_ Passa o relógio ‘E’ o iPhone!”. 😉

  9. Adoro os produtos da Apple, mas com essa política de preços, vai demorar muito pra mim comprar qualquer produto da marca novamente…

  10. O valor da pulseira aqui é o valor do relógio com a pulseira lá. Paguei 1099 dólares, ou seja, 4400 reais com IOF.

  11. Analisando o comportamento do consumidor brasileiro com esse lançamento. Por ser um produto dispensável, quero ver como irão se comportar e quero entender um pouco da politica de preços da Apple.

  12. Acho que a pulseira sai por 449,00.
    Tudo bem que, até tem o lance do dólar estar alto. A grande questão é:
    Você acha que mesmo depois que o dólar retornar para seus 2,85, este preço irá cair?

  13. Esse “milagre” se chama variação cambial. Maiores informações aqui: https://pt.wikipedia.org/wiki/Taxa_de_c%C3%A2mbio

    Somado a isso você coloca o II (Imposto de Importação), ICSM (Que subiu em todos os estados graças a Dilma), IPI, PIS e COFINS.

    Somado a isso você coloca todo o custo de desembaraço aduaneiro no Brasil e os custos de logísticas de um país de terceiro mundo.

  14. É um absurdo!!! Sempre gostei da Apple, sabemos que é mais caro sim, mas acho que dessa vez ela pegou pesado, e demais! Pessoal isso seria praticamente considerado com um acessório para smartphone, e nesse preço!?
    Desculpem, mas seria bom que ninguém comprasse!
    E sinceramente, acho que a Apple tem que tomar cuidado com esses preços abusivos, porque já estou vendo muita gente sair fora da marca.

  15. Bem, meu caso é semelhante ao do helmygalindo. Meu apartamento custou R$ 60.000,00, um carro popular custa na faixa de R$ 50.000,00 e, como estou no último período da faculdade (me formo mês que vem), e a mensalidade é de R$ 250,00, totalizando R$ 500,00 pelos dois meses que faltam, daria um total de R$ 110.500,00, sobrando R$ 24.500,00 pra investir! helmygalindo, você tem razão! 😉

  16. Bom, não retornará tão cedo.
    Mas, daqui a algum tempo, sim, pq não? Ou então, em outras palavras, talvez seja tempo de mudar de país e jogar uma bomba aqui, pois, se continuar assim, a nossa moeda perderá o valor cada vez mais.

  17. A Apple é louca. Ela quer vender os seus produtos no mundo inteiro pelo mesmo preço considerando o dólar. Isso não existe. Ela tem que lucrar em dólar nos EUA, em real no Brasil, em peso na Argentina, e assim por diante. Dependendo da cotação de cada moeda ela vai lucrar mais ou menos. Política de preços sem noção!

  18. Eu poderia me surpreender com um apartamento de 60 mil reais (Aqui em São Paulo não existe), mas o que me surpreende mesmo é o ensino superior por apenas 250 reais por mês. Tenho dó dos professores dessa faculdade.

  19. HAUHAUHAUHAUHAAU
    agora que apareceu a foto da Dilma aqui.

    Uma coisa eu tenho certeza, meu planejamento para um futuro próximo é me mudar do Brasil.

  20. Pelo jeito as realidades dentro do próprio Brasil são totalmente discrepantes.
    Aqui em Curitiba, você não consegue um apartamento por menos de R$ 250mil, mas com R$ 50mil você compra um baita carro, enquanto um popular sai por bem menos de R$ 30mil.

  21. Para quem reclama do preço, vamos a uma aula, utilizarei como exemplo o Apple Watch de Aço preto de 42mm cujo preço é de U$1,099.00.

    Valor do câmbio: 3,80

    Valor do Produto em Reais: R$4.176,20
    Unidade Federativa: SP
    ICMS em SP: 18% = R$1466.76
    Imposto de Importação: 60% = R$2505.72
    Total de Tributos: R$ 3972.48
    Valor Final com Imposto: R$8148.68

    Soma-se a isso os custos de frete (que também pagam impostos), desembaraço aduaneiro e logística. Ainda existe o custo da operação.

    O relógio no Brasil custa praticamente R$10.000.

    Enquanto o Governo ganha R$ 3972.48 por relógio importado, a Apple tem uma margem de lucro muito menor.

    Bem vindo ao Brasil!

  22. MInha sorte foi que consegui um amigo pra trazer dos EUA pra mim, peguei um Watch com pulseira milanese por menos que o Sport aqui…

  23. Meu apartamento (MRV) comprei em 2009, na planta, num feirão da caixa aqui no Rio de Janeiro; faço Gestão de Recursos Humanos, modalidade EAD pela Estácio… Posso provar os valores, se for o caso…

  24. a compra do apê foi em 2009, antes do boom imobiliário. Confirmo que existia apartamentos na planta por esse preço. Obviamente agora o mesmo apartamento vale uns 180 a 200 mil.

  25. Olhei lá. Mas os produtos não chegam aqui por um preço menor?(ouvi dizer que o iphone de 649 chega aqui por menos de 400).

  26. Não sei exatamente. Usei como base os valores de venda dos EUA que já tem lucro da Apple. E é claro, ela, como uma empresa, tem que ganhar. Mas, no Brasil, o caso é totalmente diferente, pois ela tem um sócio (Governo) que ganha mais que ela.

  27. Sim, sai um valor menor. Entretanto, usei o valor de venda dos EUA apenas como base. De qualquer forma, a ideia é mostrar que faz sentido os valores e eles acompanham os valores cobrados lá fora.

  28. acho que o valor base é uns 40% menor. Até porque, pela sua conta, os outros fabricantes estariam pagando pra vender aqui, visto que não praticam esse dólar de quase 10 reais que a apple pratica.

  29. Interessante que é possível comprar o Watch edition no site. Como vai ser a entrega? Chega de correio por carro forte, Sedex normal?? Deixei avisado o meu porteiro.

    Fora de brincadeira! Como será a entrega??

  30. Exatamente, para mostrar que acompanham de forma ERRADA.
    O correto seria se basear no valor que foi exportado, e não no que é vendido em qualquer outro país.
    Senão, imagina o Brasil lindo do coração exportando carro para outro país, NINGUÉM nesse mundo, iria comprar os carros. Mas, a maioria sabe que o carro é exportado por um valor até 3x menor do que é vendido aqui.

  31. Pois é… Com R$ 135.000,00 eu compro um apartamento, uma casa na praia, dois carros, pago duas faculdades… Mas em 1999.

    Qual a lógica? haha

  32. O dólar que usei no exemplo é 3,80. O que aumenta muito o custo são os impostos que no geral é praticamente 100% do valor do produto. Não sei se a Apple do Brasil paga 40% a menos nos produtos. Não sei como são as regras intercompany da Apple. Mas basicamente, ela vende no Brasil pelos mesmos valores vendidos nos EUA + Impostos + Logistica. Ou seja, pagamos um pouco mais que o dobro em praticamente tudo. Se um produto custa 1.000 dólares (4 mil reais), aqui custará 10 mil reais. (4 mil do produto, 4 mil de impostos, custos de logística e lucro da empresa).

  33. Mas é assim no mundo todo. Na Europa os produtos da Apple são mais caros que nos EUA e a moeda (Euro) é mais forte.
    E as pessoas compram carros exportados do Brasil pois os países que compram (importadores) possuem acordos comerciais que não pagam impostos de importação.

  34. mas que mágica você acha que as outras empresas fazem então? estaria apenas a apple certa e todos os outros(de vários setores) errados? Não é ironia, eu não entendo mesmo de economia de mercado. Mas é estranho apenas a apple(e as fabricantes de carros) implementarem essa política de preços aqui. Não acha?

  35. não adianta explicar…. já tentei isso umas trocentas vezes…. o povo prefere achar que a culpa é da malvada Apple, das malvadas multinacionais/empresas que só pensam em lucro e não do governo que fecha o mercado (protecionismo) e cobra imposto até da mãe….

    e mesmo qdo existe um markup mais alto no Brasil (o q geralmente chamam de “lucro brasil”), as pessoas tbm não entendem que isso é culpa justamente do protecionismo/imposto, do mercado fechado etc.. (menos oferta – dado o fechamento de mercado, para uma dada curva de demanda = preços maiores)

  36. Povo bota a culpa na Dilma mas esquece que o ICMS que é maior vilão dos impostos para consumidores finais, é cobrado pelos governos estaduais.

  37. E essa pulseira de couro marrom???? Pô, a Apple esperou eu comprar a de couro preta pra lançar ela? Sacanagem hein!

  38. Eu vi a tabela com os cálculos, mas é estranho, pois temos exemplos de produtos que custam um preço parecido que os da Apple nos EUA chegam aqui bem mais barato… Como funcionaria isso?

  39. Meu primeiro comentário aqui … Vamos lá: É caro? Caríssimo. Tenho um amigo indo pra Miami semana que vem que se ofereceu pra trazer dois Watchs. Um pra mim, outro pra minha noiva. Com os impostos, arredondando, U$850,00. OK. Fazendo as contas: Eu compro os dólares por quanto? Acabo de ver no site da Confidence Cambio por R$ 3436,11. Mais o IOF (sim, não é só a Apple quem nos “tunga”). Total de R$ 3671,48. Entrei no site da Apple e coloquei os mesmos relógios no carrinho. À vista por R$ 5578,20. Uma diferença de R$ 2.142,09. Vale a pena arriscar? Meu amigo busca. Fazendo um FAVOR. Mas, ele foi bem claro: O risco é meu. Se for tributado, sai MAIS CARO do que comprar aqui. O que vocês fariam? Nem vou comentar que comprando aqui eu nem espero duas semanas …

  40. “Mas os produtos não chegam aqui por um preço menor?”
    Não.
    Foi exatamente nessa que a Daslu dançou (por exemplo).

  41. No passado quando o dólar caiu os preços da Apple também caiu.

    Não sei porque vocês veem dificuldade nisso.

    Em 2007 o iMac saiu de mais de 6 mil reais, para menos de 4 mil na geração seguinte.

  42. Amigo, eu não compraria não! Quase 1.850,00 cada relógio (x2) = 3.671,48… É muita coisa para um smartwatch não é não? Mas assim, se é algo que você e sua noiva realmente desejam…

  43. Um apartamento por 60 mil?
    o.O
    apartamento no mesmo preco de um carro? em Brasilia nem na maior favela em alguma cidade satelite se acha por 60 mil.

  44. Tenho o relogio e sinceramente, nem vale o preco. O iPhone pode ser caro mas compensa muito ja o relogio nao.

  45. Mas a Apple não compra o seu próprio relógio pelo preço de venda nos Estados Unidos. Essa conta não faz sentido nem mesmo se uma pessoa física fizer a compra lá e pagar todos os impostos, já que paga-se 60% sobre o que passar de 500 dólares.

  46. Não necessariamente. Pegue a linha Alienware da Dell por exemplo. Eles chegam aqui de 2 a 4 mil reais mais baratos (em média) do que os produtos da Apple, mesmo sendo vendidos nos EUA a um preço parecido, e são produtos 100% importados.

  47. Eu sou da seguinte ideia: quem se preocupa demais com o preço acaba se arrependendo e ficando naquela do “e se?”, logo quem quer comprar compre e pode ser bastante útil. Muitas vezes o barato sai caro. Se eu tenho o dinheiro para comprar aqui, nem penso duas vezes.

  48. Só pra provar que o problema NÃO É SÓ IMPOSTO aqui no Brasil, vejam a diferença de preço pra outras empresas:

    Dell XPS 13 modelo com core i7 (100% importado) :

    Preço nos EUA: $1699
    Preço no Brasil: R$7909

    Macbook Pro Retina 13 i7 2.7ghz / 256gb

    Preço nos EUA: $1499
    Preço no Brasil R$14.299

    Como se justifica isso?
    ________________________

    Fontes:

  49. Discordo! Vale muito a pena sim!!!
    Não consigo mais ficar sem ele principalmente para o uso corporativo!

  50. Pois é…
    Quando conseguirem responder porque empresas estrangeiras conseguem vender produtos importados, pagando todos os impostos brasileiros e ainda tendo lucro e mantendo um preço parecido ao do país de origem MAS a Apple não… é um mistério!

    Por isto que sempre digo: os impostos brasileiros possuem culpa no preço final… SIM. Mas a culpa não é só deles…

  51. Todo post que envolve preço de produto Apple é a mesma coisa… tá justo ou não tá justo, quem tá levando é o governo, a margem da Apple é alta, blá blá blá.
    Façam diferente (e mais fácil): vocês acham minimamente razoável pagar R$ 3 mil em um relógio? Ou R$ 4 mil em um iPhone? Ou R$ 18 mil em um Macbook Pro? Se a resposta é “não”, assunto encerrado. Não importa quem tá “ganhando”. O que importa é que é muito caro. Estão todos pagando pela marca, embora achem mil motivos para dizer que não.
    “Ah, mas o ecossistema da Apple é melhor”… “Ah, mas o iOS é melhor que Android” … “Ah, mas o Mac OS é melhor que Windows”…
    No final, um Moto G custa 1/3 de um iPhone e faz a mesma coisa. Posta no Instagram, publica no Facebook, toca música, tudo igual (que é o que 99% dos usuários precisam ou fazem). Um notebook com Windows custa 1/5 do Macbook Pro e faz a mesma coisa.
    Como dono (ou ex-dono) de muita coisa da Apple, reconheço a qualidade de tudo que fazem. Mas não vale isso tudo. Não mesmo.

  52. não estou falando de preço final, e sim de preço de custo. acredito que o produto seja importado em grande quantidade por um preço menor do que o preço que é vendido no varejo ao consumidor final. ou não?

  53. A conta está errada, porque o imposto de 60% é para pessoa física… acho que PJ não importa em grande quantidade com esse %.

  54. E vc esquece do pacto federativo, que faz todos os estados repassarem 100% dos seus tributos para a União, que depois se encarrega de redistribuí-los.

  55. Fico em reuniões por muito tempo e preciso ficar conectado direto também filtrando e-mails, mgs, etc.
    O Watch me da a liberdade de ver discretamente essas informações sem me desviar da pauta da reunião!
    Diferente de um celular que fica vibrando na mesa e tirando a concentração de todos! E o cara do seu lado ainda ficar bisbilhotando tudo que se passa no seu celular!
    Enfim… é uma outra dimensão, sem volta…

  56. E o que isso tem a ver com o ICMS? O ICMS sempre foi alto, sempre foi o vilão maior e sempre foi cobrado pelos Estados, antes, durante e depois do pacto federativo.

  57. é essa dúvida que tenho, @GusRocket:disqus. Ou a DELL está tomando prejuízo para vender aqui ou a Apple está de sacanagem com nossa cara.

  58. Sem querer defender a Apple, mas a Dell tem logística própria de importação, grande parte de seus computadores são amparados pela Lei do Bem, logo é uma empresa que pode se dar ao luxo de reduzir a margem de lucro nos modelos mais caros. A Apple não tem logística própria, é tudo terceirizado, o seguro de carga é cada vez mais alto, haja vista que o número de assaltos a Warehouses em que estavam sendo estocados iPhones e demais devices aumenta exponencialmente, sem contar que tem ladrão que prefere assaltar My Store (agora iPlace Mobile) do que joalheria. Logo há uma série de custos que a gente não computa, mas que devem entrar nessa margem para se ter a real noção do abismo que há entre a Dell, que está instalada oficialmente no Brasil desde os anos 90 e ainda fornece computadores, pelo menos até onde posso afirmar, para todos os três poderes aqui no RS (não sei como estão as licitações em outros estados), e a Apple, que tem como foco, pelo menos por aqui, a linha Mobile.

  59. A meu ver ainda sem nenhuma utilidade. Totalmente dependente de um Iphone por perto..Com esse preços então…Quem sabe em uma nova geração???

  60. iPhone 6s não vibra. Mas é sem pé e sem cabeça, pq vai receber mensagens, e-mail mas não irá responder, pq já que está em uma reunião não poderá usar o comando de voz. Agora gasta 3 mil só para “filtrar mensagem” e complicado. No meu Watch eu controlo as luzes, fechaduras, meu carro e mesmo assim não vejo vantagens como um produto e não vive sem.
    O iPhone realmente não dá para viver sem. Mas o watch da sim.

  61. Posso estar redondamente enganado, mas o Brasil é o país da “aparência”. A grande maioria das pessoas vivem de “aparências”. A Apple descobriu isso e está investindo pesado no aumento de preços. Obviamente que existe um custo elevado em trazer o produto para o Brasil, mas a empresa percebeu que o brasileiro compra e pronto. Então, se o “cara” compra uma aparelho que custa no mínimo 3 vezes o que é vendido lá, ele já está pagando a compra de quem não vai comprar. Acredite ou não aqui vende que nem água. Sempre acho uma Reseller cheia, já lojas da Samsung…
    Obviamente que o nome Apple, no Brasil, tem mais impacto do que a Alienware da Dell.

  62. O produto é 100% importado? Você sabe se a Dell monta alguma coisa no país? A Dell possui algum tipo de acordo / benefício do Governo?

  63. Não, não é. O problema da Apple é que ela se recusa a baixar os lucros e nunca vê a realidade do mercado, por mim ela não venderia nada no Brasil se um mouse (que por sinal nem é tão “magic” quanto o nome diz) custa R$ 650…

  64. Espero que não venda 10 exemplares… Não falo pra não vender nenhum pq sempre tem aquele que compra. Triste isso.

  65. E ja que esta em uma reuniao, tanto faz se esta olhando para o celular, relógio ou uma janela, se estiver destraido da na mesma, e melhor comprar o google glass que ngm nunca vai sonhar que vc esta recebendo as notificacoes e tbm nao ira responder e e bem mais barato.

  66. Pode até acontecer, mas para fazer isso a empresa precisa se enquadrar dentro das normas, como ter fábrica no Brasil, com certa porcentagem de localização das peças e mais um monte de coisas.

    Não sei dizer se a Apple se enquadra ou não para poder importar o produto a preço de custo. Mas eu acredito que não, pois nada foi falado sobre isso quando da instalação da fábrica da Foxconn no Brasil.

  67. E lá se vão 5 mil ou mais pro brejo. As seguradoras que estão felizes pois andar com iPhone 6s e Watch no Brasil ao mesmo tempo e sem seguro é quase um pedido pra ser roubado.

  68. Também é válido! Na minha opinião o valor do curso nem sempre diz tudo. O mais importante é o conhecimento que você leva, até pq a faculdade é só uma ‘provocação’ pra você aprender mais. (:

  69. Não dá para usar outra empresa de exemplo, pois isso também varia.

    Se a empresa tem fábrica no Brasil, seguindo várias normas, consegue importar produtos de forma facilitada.

    Ou seja, tem várias formas de importar um produto legalmente. Algumas empresa se enquadram em algumas formas outras em outras.

    E dentre as várias formas, uma pode ter o risco de ser considerado irregular no futuro, outras são mais garantidas, umas demoram mais para ser liberadas, etc. etc… E cada empresa escolhe aquela que acha melhor

    Você pode até acusar que a Apple não usar uma boa assessoria de importação, mas achar que ela “chuta” um preço qualquer, já é tratar o meio empresarial de forma muito ingênua.

  70. Direto aparece Fossil na promoção por 380, 400 reais…
    Dá pra comprar, só com o valor da pulseira 😀

  71. Acho que esta certo em suas colocações… no final é tudo a mesma coisa, fazem as mesmas funções, têm a questão de qualidade, mas qualidade que também pode ser encontrada em outras marcas…

  72. Mas Gustavo, essas indagações podem ser feitas a você também sobre o preço real que os produtos apple chegam aqui, não concorda? Se ninguém tem certeza de nada, então ficamos com os exemplos mostrados. O fato é que a DELL consegue vender mais barato.

    Você diz que o preço está batendo certo. Mas se isso for verdade a apple estaria perdendo dinheiro a 2 meses atrás(até 3), pois as contas não fechariam fazendo seu cálculo, considerando o dólar um pouco mais barato e os preços da época. Entendeu @paulobr:disqus ?

  73. Mas você precisa lembrar que a Apple mantém um estoque aqui no Brasil. Quando ela importou o dólar estava mais baixo. Assim que os estoques baixam, se renova o preço.

    Todo comércio funciona assim.

  74. Mas os que são “apenas” relógios, por preço semelhante do Watch Edition, possuem uma estampa da Rolex ou Patek e estão no topo da gama destas marcas. Você os revende em qualquer lugar do mundo, um verdadeiro cheque ao portador, a qualquer época, sem a imensa desvalorização de um Watch Edition. Este em 2 anos se tornará obsoleto em suas funções e perderá mais da metade do valor, enquanto um “apenas” relógio deste nicho é atemporal e dependendo do modelo, se limitado, revende por (bem) mais do que comprou.

  75. Na verdade o Watch é bem discreto. Só quem conhece mesmo sabe que é um Apple Watch. Pra maioria, passa despercebido.

  76. Estive na iPlace/RS, filas?!? Cri, cri,cri….
    Sentimos pelo pessoal que se esforça em demostrar o produto, atendimento top, como sempre.

  77. Todavia….vc pode fazer em 24vezes 😀
    Sinceramente, gostaria de ver o “artista” que vai comprar uma coisa dessas.

  78. Cara, mesmo com tudo isso que você disse, eu acho muito difícil que dê um custo adicional de 6000 reais por unidade (é a diferença nesses dois modelos que comparei)… É muita coisa cara. Até entendo ter a margem de lucro maior, se prevenir de criminalidade, garantir um pouco o preço por conta da instabilidade do dólar… mas 6000 reais de diferença pra concorrência? Sei não… E outra, eu usei o exemplo da Dell, mas você pode fazer isso com literalmente qualquer empresa, qualquer uma mesmo, e vai ver que a Apple sempre sai absurdamente mais cara

  79. Eu concordo com o teu raciocínio. A margem de lucro é altíssima. A Apple usa e abusa de seu status de exclusividade.

  80. Tentei comprar essa de couro semana passada em Las Vegas e estava em falta nas 3 lojas que fui. 🙁 Gostei muito.

  81. Acabei de passar numa iPlace e apesar do atendimento bom notei que tinha mt vendedor pra pouco cliente 🙁

  82. Fui hoje na loja da Apple no shopping Morumbi, e das 2 horas que fiquei na loja não teve muitas pessoas “curiosas” ao ver o apple watch.

  83. Exato, todo mundo fica falando “ah, o preço ta cara por causa disso”, “a culpa não é da apple, a crise.”. Ta, mas no final a pergunta é. Vale a pena pagar 3k em um relógio desses?

  84. Que coisa hein… eu comprei uma Sport preta porque estava precisando, mas essa aí está na lista, definitivamente. No Natal pedirei pra um amigo trazer dos EUA. 🙂

  85. Eu acho que as vendas serão um fiasco. Mesma coisa quando o 6s e o 6s+ começarem a vender aqui. Mais de 4.000,00 em um smartphone já é insano demais, até para o nosso mercado ultra desregulado.

  86. A estratégia dela no BR é se posicionar como premium. Infelizmente os brasileiros de um modo geral ganham pouco mas mesmo assim não dão valor a seu dinheiro. É muito fácil gastarmos R$ 100 em coisas fúteis. Agora pergunte a um americano se ele gastaria $100 em uma calça jeans ou num jantar. NUNCA! Pq o valor do dinheiro lá é diferente. Pensando em estratégia de mercado a Apple não está errada, errado somos nós que continuamos comprando os produtos dela (me incluo nessa crítica).

  87. Não quero te desanimar mas a previsão do dólar 2016 eh chegar próximo dos R$ 4,60. Se o BC acabar com os swaps bate R$ 5 fácil… TUDO ISSO SEM IMPEACHMENT VIU! rs

  88. O pior não é nem isso. Como diz uma amiga minha: “Não tenho nada contra impostos; tenho contra impostos mal aplicados, desviados, roubados etc.” E como já dizia um certo economista nos anos 80: “O Brasil é uma BELÍNDIA: impostos da Bélgica e serviços públicos da Índia”. Olha que a Índia já melhorou bastante desde dos anos 80!

  89. eu estive na Apple Store do Morumbi hoje… ate q nao estava tão lotado! ai fui ver o relogio pela segunda vez… fui ver os modelos Sport novo… enfim, bonito, porém, sem condições total de comprar aqui! o modelo que eu queria de verdade custa 9 mil reais! isso eh um absuuuuurdo X_X com esse preço eu compro um relogio de uma marca de luxo hahaha enfim… e olha que a culpa nem é 100% da Apple! e sim da NCM em que o relogio se enquadra… o governo decretou que os smartwatches tem que ser classificados como joia… na mesma categoria que os relogios das marcas de luxo X_X enfim ne…

  90. Foi este mesmíssimo raciocínio que eu fiz quando a Apple anunciou o tal Apple Watch Edition de ouro! O que você faria com um iPhone 3G de ouro hoje? E daqui a 5 anos?

  91. Os preços sempre serão definidos pela máxima demanda x procura.

    Não estou defendendo a Apple (como se ela precisasse), apenas tenho consciência que a ela continuará lucrando absurdos aqui porque sempre tem procura por seus produtos, não importando o valor. Logo, o preço é esse e paga quem quer…

  92. Adoro relógios, mas este da Apple eu não vou comprar, nem nenhum outro smartwatch. Sei lá, a menos que tenha uma função essencial, o estilo dos “dumbwatches” é muito mais bonito, clássico, elegante. Relógio bom é aquele que dura a vida inteira e você passa pros seus filhos e netos. Um relógio automático nunca precisa ter sua bateria trocada, imagina ter que recarregar o relógio todos os dias? Pra mim isto é “crapware”.

  93. Vale a pena pagar 27.000 num rolex? Vale a pena pagar 150.000 numa Mercedes se vc pode andar de Palio por 35.000?

  94. Todo lançamento é um mimimi, compra quem quer! Acho um absurdo mesmo o preço aqui no Brasil! Vivemos em um pais de economia ruim, corrupto com grande carga tributaria, mas vc pode optar por viajar e comprar la fora, pagar o preço daqui e também de boicotar e não comprar! Esse site é de tecnologia, seria legal comentários de análises sobre o produto, etc… Agora ficar sempre nos comentários questionando preços, absurdos, já esta ficando chato! Não muda o assunto! Rafael podia criar uma moderação para esses comentários repetitivos, chulos e que não levam a nada, tudo que li aqui, já sabemos e não é novidade! De boa mesmo pessoal não estou querendo ofender ninguém mas vamos melhorar o nível nos comentários em cada post… 🙂

  95. Integração total de anotações, senhas, compras com meu macbook do escritório e imac de casa. Tentei usar um Lumia no passado , nunca mais….

  96. Ahh tirando a padronização do iOS, estabilidade e o casamento hardware x software, pouquissimos virus (se e que alguem ja pegou) , coisa que o Android não me oferece…

  97. Compras entre Macbook e iMac não tem a ver com iPhone. Sobre senhas, anotações e etc, sincronizo através do Google e 1Password (via dropbox). Nunca peguei vírus em iOS ou Android. Há vida (boa e barata) fora da Apple.

  98. Se você utilizou a base de cálculo errada, sinto muito, mas está tudo errado. Além do mais o tributo não é o mesmo de pessoa física. Na importação deveria incidir II e IPI com alíquotas bem menores, e dependendo, com aproveitamento de crédito de IPI e talvez ICM, ou seja, o tributo ela repassa ao consumidor, mas faz abatimento (tipo débito e crédito).

    No final das contas a incidência de tributos é muito menor do que todos dizem. Além do mais nestes cálculos que aparecem por aqui, o cálculo do frete é baseado no preço da passagem aérea, ou seja, como se o dispositivo tivesse vindo sentado no avião, com direito a água e jantar. Hoje em dia o frete aéreo é extremamente em conta.

    O seguro, enquanto no avião, é pago pela companhia aérea, enquanto no armazém do aeroporto é pago pela Infraero, enquanto sendo transportado até o importador, é pago pelo transportador. Se neste tempo a mercadoria for roubada ou danificada, quem paga é quem está de posse do produto. Portanto, quem menos se preocupa com a mercadoria é a própria Apple. Se o iPlace é roubado, não é problema da Apple, mas do shopping e do dono da loja.

    Colocar como base de cálculo preço de produto em exposição na loja de cristal da quinta avenida, por favor… não rola mais.

  99. Pra mim tem sim cara, quando migrei de um 4s pra um Lumia senti muita falta da integração que tinha, por exemplo via um telefone na rua e tinha que anotar rápido no NOTAS, depois chegando em casa quando precisava trabalhar no Imac e as vezes o telefone não estava por perto e precisava do numero anotado, estava la no NOTAS do Imac. Eu acho que cada um tem um necessidade diferente, e pra mim sim é importante isso dentre tudo que te disse… Cada um na sua como tudo na vida, religião, futebol, política, musica, e por aí vai…

  100. Para mim, vale. Por isso ando de Mercedes e Apple Watch.
    Acho engraçado os caras dizerem que o relógio é ruim…nunca usaram.. Eu uso o meu há meses e acho muito bom – de fato nem uso mais outros relógios, apenas troco as pulseiras. Cada um cobra o que quer, e os outros pagam se quiserem e puderem!

  101. Que tal o App Wallet, que centraliza meus tickets de shows, cinema, hotéis, etc.??
    Detalhe: o que é IMPORTANTE para mim, pode não ser para você – e vice versa…
    Conclusão: não tente provar aos outros que o Iphone, ou Watch são ruins, porque não servem para você – e não deixe ninguém te impor o mesmo.

  102. Ladrão faz nada da vida ele tem tempo de analisar, pesquisar e entender a diferença do casio básico no pulso e do Apple watch, resumindo um bando de vagabundos.

  103. Isto já foi discutido com a mesma na distribuidora da minha família, porém a Apple tem está política e não mudará enquanto vender bem pelo mundo, como está atualmente nesta fase

  104. Uma hora volta sim, já tivemos no tempo da direita dólar à 4 reais, a nossa administração do país que precisa mudar para a confiança mudar, aqui na Europa nem o mais pobre confia atualmente no Brasil devido tanta corrupção

  105. Em nenhum momento tentei provar que o iPhone ou Watch são ruins, primeiro porque acho o iPhone o melhor celular do mundo (tive todos, desde o primeiro, de aluminio, até o 5S), segundo porque nunca nem vi um Watch. O meu ponto é que eles não valem o preço que estão pedindo no BR. E nisso já vi que discordamos. É isso. E se o app Wallet é tão importante a ponto e você querer comprar um iPhone, realmente nossas prioridades na vida são diferentes.

  106. Acho que você escreveu “Iphone” no post anterior e quis dizer “Apple Watch”, o que me confundiu.
    Você pediu um exemplo, e eu dei. O Iphone + Apple Watch me dá uma integração de aplicativos nativos, meus emails outlook corporativos e pessoais (gmail e uol), minha Hp 12C emulando a original em tamanha quase igual (tenho o Iphone 6 Plus), aplicativos de developers de qualidade e que nao “travam”, token de minhas contas correntes etc… Poderia discorrer longamente sobre isso.
    Qualidade de imagens 1080p de videos, musica (incluindo minha playlist do Watch sem precisar levar meu iphone para correr – com watch ios2.0.
    Sobre valer o preço, de novo é uma percepção individual: uma esfiha do Habib’s não vale o preço, para mim (e agrada milhões por aí)…

  107. Juro que já havia respondido, mas sumiu..

    O ICMS sempre foi alto, mesmo antes do pacto federativo, que não tem nenhuma relação com o valor do ICMS que é cobrado exclusivamente por Estados, sendo o valor definido por cada um.

    E o Brasil por ser uma República Federativa, acho compreensível ser dessa forma, os Estados arrecadam, repassam para a União(o nome já diz), que se encarrega de distribuir de acordo com as necessidades de cada um.

Deixe uma resposta