Apple Pay poderá ser lançado na China no início de 2016

Na sua última conferência de resultados financeiros, a Apple afirmou que levaria o Apple Pay ao Canadá e à Austrália ainda em 2015 (algo que já aconteceu); já em 2016, ele chegará a Espanha, Hong Kong e Singapura. Mas um novo país — e muito importante, ao menos para a Maçã — não comentado por ela também tem tudo para receber o serviço logo no início de 2016: a China.

De acordo com o Wall Street Journal1, a Apple já fechou acordos com os quatro principais bancos do país (Banco da China, Banco de Construção da China, Banco Industrial e Comercial da China, e Banco Agricultural da China) e quer lançar seu serviço antes do Festival da Primavera (Ano Novo Chinês; que se inicia no dia 9 de fevereiro).

a Bloomberg informou que a empresa também fechou acordo com a UnionPay (única rede interbancária da China que detém um monopólio no processamento de cartões de crédito/débito).

Por lá, as duas maiores plataformas de pagamentos móveis são a Alipay e a Tenpay, as quais juntas abocanham 64% do mercado de acordo com a firma de pesquisas Analysis.

Corroborando o assunto, o WSJ informou que um desenvolvedor que teve acesso à última versão beta do iOS afirmou ter encontrado os logos da UnionPay em alguns pacotes de arquivos.

Isso significa que, apesar de ter citado apenas Espanha, Hong Kong e Singapura, o Apple Pay poderá ser lançado em bem mais países no começo/ao longo de 2016. A Apple provavelmente não comentou outros locais pois esses três são os únicos com a parte burocrática resolvida, enquanto nos outros as negociações ainda devem estar em andamento.

Fica, então, a nossa torcida para as negociações estarem avançando aqui no Brasil e a gente entrar nesse bolo o mais rápido possível, afinal o cenário aqui já está todo preparado para a chegada de um serviço desses.

[via MacRumors: 1, 2]

Taggeado:

Posts relacionados

Comentários