Dica de leitura: o árduo processo de desenhar uma embalagem a ser vendida nas lojas da Apple

Ter seu produto em exposição nas prateleiras das 479 Apple Retail Stores ao redor do mundo é uma bênção para qualquer empresa, mas às vezes pode ser também “um pé no saco”, como define Marc Barros, criador das lentes Moment. A fabricante é uma das mais recentes agraciadas com o convite de vender seus produtos (lentes e cases para iPhone) nas lojas da Maçã.

Publicidade

Como bem se sabe, a Apple tem uma imensa curadoria para selecionar os acessórios de terceiros a ser vendidos nos seus espaços físicos — e, mesmo depois de escolhidos, suas embalagens devem seguir uma série de rígidas diretrizes para que possam de fato marcar presença nas lojas — algo que a empresa implementou recentemente. A matéria da Co.Design detalhou com riqueza o processo de desenhar essa embalagem na Moment, que teve um tempo bem menor que o usual (duas semanas!) para desenvolver algo que a Apple aceitasse.

05-moment

A reportagem também oferece uma boa visão sobre a dinâmica das relações econômicas entre a Maçã e as fabricantes dos acessórios que ela vende, relatando, por exemplo, o espaço de tempo de 45 dias guardado pela Apple entre o lucro pela venda de um determinado produto e o repasse devido deste dinheiro à empresa de origem.

Publicidade

É uma leitura muito interessante para os interessados no mundo do design, da economia e, claro, da Apple. Recomendo!

[via The Loop]

Posts relacionados

Comentários

Carregando os comentários…