Tim Cook fala sobre o novo iPhone, os AirPods, realidade aumentada e realidade virtual em entrevista

Os novos produtos da Apple já estão à porta e com toda certeza nós veremos Tim Cook & cia muito mais recorrentemente, dando entrevistas e falando sobre seus produtos.

Muito provavelmente com um intuito mais comercial do que para entretenimento, o CEO da Maçã apareceu hoje em uma entrevista exclusiva para o “Good Morning America” (programa da ABC News) e contou à entrevistadora Robin Roberts sobre os novos produtos da empresa.

O primeiro assunto que veio à tona foi o iPhone 7; a entrevistadora pergunta o que o faz diferente dos demais. A resposta foi algo que estamos cansados de ouvir: “Este é o melhor iPhone que já criamos.” Depois da célebre frase, ele citou as diferenças dos novos aparelhos, nada novo para quem viu a keynote ou para quem acompanha o MacMagazine: qualidade melhor nas fotos, duração maior da bateria, performance melhorada e a presença de alto-falantes estéreo.

Então, Roberts lembrou que há algo “faltando” nele: a saída de áudio de 3,5 milímetros, claro. Ela perguntou o porquê de terem dito que retirá-la seria uma solução “corajosa”. Para a empresa, Cook disse que a tecnologia sem fio “é o futuro” e que queriam chegar a esse futuro o mais rápido possível. Ele ainda complementou dizendo que a saída de áudio tomava muito espaço no aparelho; ao removê-la, puderam aumentar a bateria e colocar os alto-falantes estéreo.

Logo depois, a entrevistadora perguntou ao CEO da Maçã sua opinião sobre a preocupação de muita gente quanto aos fones sem fio, os AirPods. Muitos se perguntam se eles teriam algum recurso parecido com o “Buscar iPhone” pois devem cair e se perder facilmente. Cook rapidamente lembrou do estojo que mantém os fones presos magneticamente, sem perigo de perdê-los se os mantiverem ali. Especificamente sobre se eles cairiam dos ouvidos, ele diz que a “culpa” dos fones antigamente caírem era pelo fato de os fios aplicarem peso neles. Portanto, já que os AirPods não têm fio, eles não cairão facilmente. Ele ainda diz que os têm usado andando, em esteiras, etc. e que “nunca nenhum caiu”. Ah! E é claro que ele precisou usar uma frase muito característica sua para descrevê-los: “Eles são absolutamente mágicos.”

Em outro trecho da entrevista, Cook falou um pouco sobre realidade aumentada e realidade virtual. Dizendo que todas as duas são interessantes, o CEO da Maçã destacou a realidade aumentada como sendo a que provavelmente abre um leque muito maior de possibilidades. Por exemplo, com ela é possível interagir tanto com pessoas no mundo real quanto com objetos ou pessoas no ambiente virtual. Já a realidade virtual, ele admite que é uma ótima opção para educação e jogos, mas que gera pouco interesse comercial.

Aparentemente, a entrevista é bem maior do que os vídeos que soltaram nesta manhã. Por isso, ainda podem surgir novos trechos pela semana.

·   ·   ·

Tim Cook & cia

Tim Cook e sua trupe estão visitando diversos lugares em Nova York. O CEO, Angela Ahrendts1, Greg Joswiak2 e Eddy Cue3 aparecem em algumas fotos dos encontros em uma loja da Maçã e em uma escola pública no Brooklyn.

Visitando a Apple World Trade Center com @Tim_Cook, @Cue e Joz. Animada para o lançamento desta sexta-feira!

Obrigado à escola PS 161 em Nova York pela ótima visita. É inspirador ver como os professores usam o iPad para fazer a diferença para seus alunos.

Cook também passou pelos escritórios do Wall Street Journal — ainda sem divulgação do intuito da visita — e aproveitou para brincar com um dos jornalistas, que tweetou sobre o comentário do CEO:

@tim_cook CEO da Apple está visitando os escritórios do WSJ. Ele acaba de passar pelas mesas cheias de PCs e disse “vocês deveriam ter Macintoshes”.

[via 9to5Mac]

Posts relacionados

Comentários