Dobradiça sem força: donos de iMacs que pagaram por conserto de suporte serão ressarcidos pela Apple

iMacs Retina lado a lado

Em termos puramente estéticos, imagino que poucos discordarão de mim se eu disser que os atuais iMacs representam uma das criações mais notáveis da história da Apple — é um design tão influente que gerou seguidores que podem inclusive superá-lo. Boa parte deste retumbante sucesso pode ser creditada ao seu elegantíssimo suporte de alumínio, que faz parecer que o computador “flutua” no ar e permite ajustes precisos de inclinação.

Publicidade

Claro que nada disso importa quando o mecanismo de dobradiças que conecta o suporte à peça principal não funciona, e é exatamente o que aconteceu com alguns iMacs de 27 polegadas despachados entre dezembro de 2012 e julho de 2014 (principalmente os modelos do fim de 2012 e do fim de 2013) — o mecanismo quebra, produzindo um desagradável estalo, e basicamente “perde sua força”, empurrando a tela do computador sempre para a posição vertical.

Pela internet adentro, nos fóruns dedicados aos donos e admiradores de iMacs, o problema foi relatado extensivamente por uma grande quantidade de usuários nos últimos anos, e aparentemente o conserto do mecanismo não é nada barato: alguns dos sorteados disseram desembolsar mais de US$100 (cerca de R$350) para resolver o problema.

Publicidade

Pois a Apple finalmente está reconhecendo o problema, de acordo com um documento interno obtido pelo MacRumors, e vai reembolsar os usuários que tenham pago pelo conserto do suporte. Além disso, a empresa ampliará o período do programa de reparos para o suporte de três para cinco anos no caso dos iMacs do fim de 2012 e do fim de 2013, consertando o mecanismo sem custos a todos os consumidores afetados pelo problema.

A Maçã ainda não está comunicando os consumidores sobre a nova política; por enquanto, limita-se a instruir as suas lojas, revendedoras e Centros de Serviço Autorizados com as regras do reembolso e do conserto gratuito. Donos de iMacs afetados pelo problema que já tenham pago pelo conserto devem entrar em contato com a Apple por telefone ou email, e aqueles cuja máquina ainda está defeituosa devem dirigir-se a um balcão Genius ou a uma autorizada para verificar a eligibilidade do reparo gratuito.

Posts relacionados

Comentários

Carregando os comentários…