Alterações no time executivo da Apple: Paul Deneve agora responde a Jeff Williams, Yoky Matsuoka deixa a empresa

Dança de cadeiras em Cupertino.

Paul Deneve, ex-VP de projetos especiais da AppleDurante esta madrugada, Paul Deneve — vice-presidente de projetos especiais — sumiu da página de executivos da Apple. Isso poderia indicar a saída dele da empresa, mas Tim Bradshaw, repórter do Financial Times, apurou que Deneve agora responde ao diretor de operações (COO) Jeff Williams — e não mais diretamente ao diretor executivo (CEO) Tim Cook.

Deneve retornou à Apple em meados de 2013, após trabalhar na empresa durante a década de 1990. Ele até então estava atuando como CEO da marca francesa de luxo [Yves] Saint Laurent.

Yoky Matsuoka

Uma que saiu de fato da Apple — segundo descobriu a Bloomberg — foi Yoky Matsuoka, que trabalhava na área de saúde com os frameworks HealthKit, CareKit e ResearchKit.

Cofundadora do Google X e ex-vice-presidente de tecnologia do Nest Labs, ela havia se juntado ao time executivo da Apple há poucos meses apenas e respondia também a Williams. Pelo jeito, o casamento não deu lá muito certo.

Luca Maestri, CFO (diretor financeiro) da ApplePor fim, numa nota relacionada, o diretor financeiro da Apple, Luca Maestri, apareceu num ranking como o segundo CFO mais bem pago do Vale do Silício.

A compensação total de Maestri em 2015 — incluindo não só o salário de US$1 milhão, mas também bônus e ações — foi de US$25,34 milhões, abaixo apenas dos US$31,05 milhões obtidos por Ruth Porat da Alphabet (Google). Logo atrás dele aparece Jason Wheeler, CFO da Tesla Motors, com US$20,9 milhões.

Nada mau.

Posts relacionados

Comentários