Nova briga nos tribunais: após Apple alegar conspiração, Nokia responde com processo [atualizado 2x]

Logo - Nokia

Enquanto corre a famosa e longa briga entre Apple e Samsung nos tribunais, agora o time de advogados da Maçã terá outro trabalho duro pela frente — desta vez, contra a finlandesa Nokia.

Hoje mais cedo, o Patently Apple noticiou que a gigante de Cupertino abriu um “grande caso antitruste” contra inúmeras parceiras da Nokia — incluindo a Acacia Research Corporation, aquela que envolveu uma multa de US$22,1 milhões contra a Apple, e também a Core Wireless Licensing, que perdeu um processo de US$100 milhões contra a Apple —, alegando conspiração em taxas de licenciamento de patentes diversas.

O FOSS Patents publicou a ação na íntegra:

Em uma espécie de “resposta” a isso, a Nokia acaba de anunciar a abertura de processos contra a Apple tanto nos Estados Unidos quanto na Europa (mais especificamente, na Alemanha), alegando infrações de 32(!) patentes diferentes.

Ilkka Rahnasto, chefe de negócios de patentes na Nokia, declarou que “após vários anos de negociações tentando chegar a um acordo para cobrir o uso dessas patentes por parte da Apple, estamos agora nos movimentando para defender os nossos direitos”.

E não é a primeira vez que Apple e Nokia se enfrentam em tribunais. A última briga terminou lá em meados de 2011, justamente com o licenciamento de patentes; pelo jeito, desde então, a coisa começou a degringolar de novo. Anos depois, a Nokia chegou inclusive a apoiar a Apple em sua briga contra a Samsung.

Acompanharemos o desenrolar e o surgimento de mais detalhes sobre essa nova disputa.

Atualização · 22/12/2016 às 16:17

Apenas um dia depois, a Nokia já anunciou uma expansão dos processos abertos contra a Apple englobando agora 40 patentes em 11 países diferentes. As invenções cobrem tecnologias relacionadas a telas, interfaces, softwares, antenas, chipsets e codificação de vídeo — boa parte delas oriundas da aquisição da Alcatel-Lucent, em 2013.

Um porta-voz da Apple deu uma declaração sobre a disputa ao TechCrunch:

A Apple é focada em inovação e nossos times estão dedicados a criar os melhores produtos no planeta. Nós respeitamos propriedades intelectuais e sempre estivemos dispostos a pagar um preço justo para garantir os direitos a patentes cobrindo tecnologias em nossos produtos. Infelizmente, a Nokia se negou a licenciar suas patentes em bases justas e está agora usando táticas de uma patent troll para tentar extorquir dinheiro da Apple e aplicar uma taxa de royalties às próprias invenções da Apple que ela nada tem a ver. Estamos nos posicionando do lado de inventores de todo lugar ao brigar contra essa prática anticompetitiva absurda.

O mercado financeiro não reagiu bem ao posicionamento da Nokia, cujas ações chegaram a cair quase 5% nesta quinta-feira.

Atualização II · 24/01/2017 às 15:14

A International Trade Commission (ITC) dos Estados Unidos confirmou hoje que irá investigar as reclamações da Nokia contra a Apple, sem dar por enquanto nenhuma declaração acerca do caso.

[via Fortune]

Posts relacionados

Comentários