Apple se juntará a Google, Facebook e outras gigantes em iniciativa de inteligência artificial [atualizado]

Em setembro de 2016, as gigantes Amazon, Facebook, Google, Microsoft e IBM se juntaram para criar o Partnership on AI, um consórcio a fim de promover pesquisas e trabalhos em inteligência artificial. Conforme informou o Business Insider na época, a Apple não se juntou a eles, provavelmente pela cultura de sigilo que se regia na empresa. Mas como isso já caiu por terra, os caminhos estão abertos.

Aperto de mãos entre humano e robô

Segundo a Bloomberg, a Apple agora fará parte dessa iniciativa com outras gigantes da área de tecnologia e poderá anunciar o seu ingresso ainda nesta semana, conforme fontes anônimas alegam.

Para apoiar a missão de beneficiar as pessoas e a sociedade, o Partnership on AI pretende realizar pesquisas, organizar discussões, compartilhar ideias, proporcionar a formação de opiniões, consultar terceiros relevantes, responder perguntas do público e mídia, e criar material educativo para avançar na compreensão das tecnologias de IA, incluindo percepção da máquina, aprendizagem e raciocínio automatizado.

Faz alguns meses que vemos pintar aqui e ali notícias sobre as iniciativas de inteligência artificial da Apple. Aquisições de empresa, contratações e mudanças no regimento interno mostram que a Maçã tem se aberto cada vez mais às possibilidades. Não sabemos se por planos antigos ou pelas constantes reclamações, mas finalmente estamos vendo mudanças significativas.

[via MacRumors]

Atualização · 27/01/2017 às 11:40

E agora é oficial: o Partnership on AI acaba de anunciar que a Apple está oficialmente no corpo de membros. O interessante é que a anunciaram como já tendo contribuído desde o início do projeto.

A Apple se juntou ao Partnership on AI como membro fundador. A empresa está envolvida e vem colaborando com a iniciativa desde antes de ser anunciada pela primeira vez. Estamos muito felizes em formalizar a sua participação ao lado de Amazon, Facebook, Google/DeepMind, IBM e Microsoft.

Além disso, Tom Gruber, responsável pelo desenvolvimento avançado da Siri e que agora faz parte do conselho como administrador, deu seu parecer:

Estamos felizes por ver a indústria se engajar em algumas das maiores oportunidades e preocupações criadas com o avanço da aprendizagem de máquinas e IA. Acreditamos que é benéfico para a Apple, para os nossos clientes e para a indústria, a fim de desempenhar um papel ativo em seu desenvolvimento, e estamos ansiosos para colaborar com o grupo de modo a ajudar a conduzir a discussão sobre como avançar a inteligência artificial, protegendo a privacidade e a segurança dos consumidores.

Ótima notícia, realmente. 😊

[via iMore]

Posts relacionados

Comentários