Rumor óbvio: novo Apple Watch deverá ser apresentado até o fim do ano, com o Series 2 tomando a posição de entrada da linha

Aparentemente, a estratégia de lançar uma nova versão de um produto e continuar com o seu antecessor à venda por um preço mais baixo é a nova via de regra em Cupertino, e tudo deverá continuar desta forma ainda por muito tempo. Um novo rumor — deveras óbvio, é bom acrescentar — acerca do Apple Watch corrobora perfeitamente esta teoria: segundo o DigiTimes, que cita fontes próximas à cadeia de fornecimento da Apple na Ásia, a Maçã apresentará uma nova versão do reloginho até o fim do ano, enquanto o atual topo-de-linha da família, o Series 2, será transformado na opção de entrada.

Modelos de Apple Watch Series 2 molhados

Com a introdução do novo modelo — que o bom-senso nos diz que deverá chamar-se “Series 3”, mas não apostemos todas as fichas nisto — e a realocação da proposta do atual Series 2, o Series 1 seria descontinuado de vez. O relatório não afirma qual seria o destino das edições especiais que temos hoje, como o Apple Watch Edition, o Hermès e o Nike+, mas o natural seria que estes modelos também fossem atualizados para ganhar o hardware da nova geração.

Falando em hardware, por sinal, um ponto em que a notícia não é lá muito otimista é em relação às novidades deste novo modelo: segundo os caras, o “Series 3” seria focado basicamente em melhorias na autonomia da bateria e na capacidade de processamento do Apple Watch, sem trazer um novo design ou outros recursos, como LTE — se isto soa exatamente como o salto que o Series 2 trouxe em relação ao relógio original, é porque talvez a Apple esteja satisfeita com a progressão paulatina da sua mais jovem linha de produtos.

E, pelo visto, quem está satisfeito também é o consumidor, considerando que a Apple supostamente vai começar a produzir os Apple Watches com mais uma montadora na Ásia a partir da próxima geração. Ainda segundo o DigiTimes, a Maçã atribuiu a responsabilidade de produzir o “Series 3” à Quanta, montadora que se encarrega da produção de todos os relógios cupertinianos atualmente. A montagem do Series 2, entretanto, passaria para uma nova parceira, a Compal Electronics, permitindo assim que os dispositivos sejam produzidos em maior quantidade e mais rapidamente — sinal de que ao menos alguma coisa está dando certo na estratégia de vendas do Apple Watch.

Portanto, se você está pensando em se render ao vestível da Maçã, talvez seja uma boa ideia esperar alguns meses para pegar o modelo mais completo atual por um preço menor ou quem sabe passar logo para uma versão ainda mais avançada. Aguardemos.

[via iDownloadBlog]

Posts relacionados

Comentários