Fonte da TSMC afirma que o próximo iPhone terá Touch ID integrado à tela; aparelho poderá chegar ao mercado no fim de setembro

Mais um dia debaixo do sol, mais uma leva de rumores sobre o “iPhone 8”. Na verdade, este corrobora muitas das fotos que vimos vazando nos últimos dias e algumas outras informações.

Nota: algumas coisas — principalmente fotos — envolvendo esses rumores nós publicamos periodicamente no nosso Instagram. Então, se você não segue o MacMagazine por lá, pare tudo agora e passe a nos seguir! 😊

De acordo com o jornal chinês Economic Daily News (via DigiTimes), uma fonte da Taiwan Semiconductor Manufacturing Company afirmou que nós realmente veremos, nas próximas gerações de iPhones, um Touch ID integrado à tela. Essa constatação faz muito sentido se analisarmos as últimas imagens que vimos do suposto novo modelo e — felizmente — contraria alguns outros esquemas os quais mostravam o leitor na parte traseira dos aparelhos.

A “confirmação” da fonte da TSMC veio ontem (25/5) depois do evento TSMC 2017 NA Technology Symposium, ocorrido em Taipei — onde teriam sido anunciadas diversas mudanças de design e novos aplicativos para os próximos iPhones.

Uma dessas mudanças teria sido a falta da moldura do botão de Início (Home) na frente do aparelho. Segundo o relato, a Apple teria conseguido uma maneira de utilizar um “sensor óptico de impressão digital para permitir a autenticação diretamente na tela”.

Além disso, foi sugerido que os novos aparelhos virão com uma espécie de “sensor infravermelho, invisível, de imagem” para melhorar a funcionalidade da câmera e também permitir interações com realidade aumentada.

Outro pequeno fator citado pelo EDN foi que a proporção da nova tela seria 18,5:9, em vez de 16:9 como vemos nos atuais aparelhos.

·   ·   ·

Mas senta aí que nós temos mais!

Em uma publicação no Twitter, Benjamin Geskin publicou um suposto comunicado da Apple a empregados do AppleCare:

Os consultores e líderes do AppleCare receberam um email.

O dia 17 de setembro parece muito provável que seja o dia da keynote.

Ignorando o comentário de Geskin — que sugere que teríamos um evento no dia 17 de setembro, mas se esqueceu de checar o calendário (dica: cai num domingo!) —, o que o suposto comunicado resumidamente afirma é que os empregados terão dias intensos de trabalho entre 17 de setembro e 4 de novembro. Isso indicaria que os próximos iPhones podem chegar ao mercado nesse período. Até mesmo por isso, a keynote de apresentação do aparelho teria tudo para acontecer antes dessa data (quem sabe no começo de setembro mesmo, como a Apple vem fazendo nos últimos anos).

No email há um aviso de que as datas podem sofrer mudanças “já que as expectativas quanto ao volume de suporte podem se modificar”. Então, como sempre, nos resta esperar. Como minha família costuma dizer: “Falta menos do que faltava.” 😆

via MacRumors, AppleInsider

Posts relacionados

Comentários