Assim como a dos MacBooks [Pro], desmontagem do iPad Pro de 10,5″ não traz grandes novidades [atualizado]

Há pouco mais de uma semana, a Apple lançou vários hardwares novos na keynote de abertura da Worldwide Developers Conference (WWDC) 2017. E hardware novo da Apple tem que passar pelas mãos da iFixit, é claro, que trata de desmontá-los e expor ao mundo todas as suas entranhas.

Tivemos boas novidades analisando o interior do novo iMac com tela Retina 4K de 21,5″, porém não tantas com os novos MacBooks de 12″ e MacBooks Pro de 13″. E o iPad Pro de 10,5″, por mais que tenha sido um dos pontos altos entre os lançamentos, também não traz internamente grandes mudanças.

Clique/toque nas imagens para ampliá-las:

Eis os destaques:

  • Esse iPad traz um novo modelo, o A1701.
  • O microfone que ficava ao lado da câmera traseira agora está junto da frontal.
  • Os cabos que conectam a placa lógica à tela ficam localizados agora na parte inferior central, o que facilita o trabalho de quem precisar abrir esse iPad. A fim de comportar os 120Hz, são necessários quatro cabos de conexão — o iPad Pro de 12,9″ anterior só tinha dois.
  • A câmara dos alto-falantes é uma peça única com o driver incluso, o que facilita eventuais reparos.
  • Confirmado: são dois chips de RAM LPDDR4 1.600MHz de 2GB, totalizando 4GB de memória.
  • Ao contrário dos primeiros iPads Pro, este não vem com abinhas para puxar e soltar os adesivos que prendem a bateria à carcaça. Ponto negativo.
  • Falando na bateria, ela tem 30,8Wh (8.134mAh, 3,77V) de capacidade contra 27,91Wh do iPad Pro de 9,7″ e 38,8Wh do de 12,9″.

A iFixit deu a este iPad uma nota 2/10 em “reparabilidade”, já que ele obviamente não é um dispositivo construído pensando em reparos/upgrades futuros.

Atualização 14/06/2017 às 22:47

A iFixit publicou agora um vídeo detalhando todo o processo de teardown:

Taggeado:

Posts relacionados

Comentários