Hora de se mexer: Apple TV está ficando para trás no cada vez mais competitivo mercado das set-top boxes

Oh, set-top boxes. O mercado das caixinhas (ou… coisas que não são caixinhas, né, Chromecast) que servem como um cérebro superpoderoso para sua TV ainda não pegou com força aqui no Brasil, mas nos Estados Unidos elas estão com a bola toda. E, no meio desse segmento efervescente, uma certa caixinha preta e discreta tenta encontrar o caminho para a liderança, aparentemente sem muito sucesso: a Apple TV.

Digo “sem muito sucesso” porque, baseado nesta pesquisa recentemente divulgada pela eMarketer, o concorrente da Maçã está perdendo terreno no mercado para seus rivais, amargando um quarto lugar quando a métrica é o número total de usuários de cada plataforma nos EUA. Deem uma olhada:

Pesquisa do mercado de set-top-boxes da eMarketer

Enquanto os três principais rivais da Apple TV — Roku, Google Chromecast e Amazon Fire TV — disputam as primeiras colocações com pouca diferença entre si no número de usuários, que varia entre 38,9 e 35,8 milhões, a caixinha da Maçã apresenta-se quase como uma retardatária na corrida, com seus 21,3 milhões de usuários. O número se refere, como o próprio gráfico afirma, a todos os usuários de qualquer idade que utilizam a internet por meio do dispositivo em questão ao menos uma vez por mês.

Segundo Paul Verna, analista da eMarketer, a Apple TV “tem ficado para trás por fatores como a ausência de uma oferta atrativa de conteúdo, uma falta de suporte ao cada vez mais popular serviço de vídeo da Amazon e uma faixa de preço muito superior à dos seus competidores”. Ele afirma ainda, talvez ainda mais preocupantemente, que a caixinha da Maçã continuará crescendo numa taxa inferior à dos seus rivais, ganhando menos de 4 milhões de usuários até o fim de 2021 — contra os 20-30 milhões que serão adicionados à conta de cada um dos concorrentes.

Bom, ao menos um destes fatores será corrigido muito em breve: como anunciado com toda a pompa e circunstância pela Apple na última WWDC, sua set-top box ganhará suporte ao Amazon Prime Video em breve. Entretanto, outras questões ainda pairam em cima da sua superfície preta brilhante: ainda que a Apple TV tenha ganho uma boa atualização há dois anos, quando passou a suportar aplicativos de terceiros e jogos, muito se fala sobre a sua inabilidade em oferecer recursos já trazidos pela competição, como suporte à resolução 4K ou à tecnologia HDR.

Se a Apple conseguirá se mexer e reverter essa situação, isso só o tempo dirá. Mas isso tudo pode ser um forte indicativo de que, sim, já está na hora de vermos o lançamento da quinta geração da Apple TV.

via iClarified

Posts relacionados

Comentários