Apple deverá apresentar nova Apple TV com 4K, HDR e conteúdo ao vivo em evento de setembro

Os rumores acerca de uma Apple TV renovada com recursos há muito solicitados não vêm de hoje; tampouco são recentes as demonstrações de que a set-top box da Maçã realmente precisa de uma atualização nos próximos tempos se quiser continuar competindo com alguma força no mercado cada vez mais acirrado das caixinhas inteligentes para televisores.

Publicidade

Bom, se este rumor da Bloomberg provar-se verdadeiro — e eles inegavelmente acertam muito —, talvez o futuro da Apple TV guarde algumas surpresas boas: de acordo com a publicação, que cita fontes próximas do assunto, a Maçã irá apresentar no seu evento de setembro — o mesmo que, segundo eles, será utilizado para a introdução dos novos iPhones e de um possível novo modelo de Apple Watch — uma nova versão da caixinha preta com um processador mais poderoso, que permita a transmissão de conteúdo em 4K HDR (para os televisores que oferecerem suporte a estas tecnologias, claro).

Parafraseando a inesquecível Polishop, e não é só isso! De acordo com o relatório, a Apple também estaria engendrando uma atualização do seu aplicativo TV com uma ênfase renovada no conteúdo ao vivo, permitindo que os usuários tenham acesso a mais transmissões em tempo real — seja de noticiários, esportes, premiações ou outros tipos de mídia que exigem imediatismo.

Claro que, para tal, a Apple está, mais uma vez, abrindo conversas com as produtoras de conteúdo — canais de TV, estúdios e outras empresas de mídia — para disponibilizar esse tipo de transmissão no seu novo aplicativo. Além disso, as negociações estão abertas para que as produtoras de Hollywood passem a disponibilizar versões 4K HDR dos seus filmes e séries na iTunes Store; caso contrário, obviamente, não faria sentido lançar uma Apple TV 4K HDR. Ainda não há, entretanto, informação se estas negociações estariam tendo sucesso — certamente teremos que esperar mais algumas semanas para descobrir.

De fato, este é o ponto crucial da cruzada da Apple: produzir uma Apple TV com 4K, HDR e programação ao vivo é fácil; difícil é fazer as parcerias para que as produtoras disponibilizem o conteúdo adequado para que os consumidores usufruam das tecnologias sem dificuldade. Sem dúvidas, o peso do nome “Apple” joga muito a favor de Tim Cook e sua turma, mas sabemos, também, que a empresa tem tido sua dose de dificuldade em negociar com os estúdios. Portanto, só nos resta esperar para ver que resultado sairá de todo este processo.

Posts relacionados

Comentários

Carregando os comentários…