Em entrevista para o programa “Good Morning America”, Tim Cook fala sobre iOS 11, iPhone X, Face ID, Steve Jobs e mais

Como acontece rotineiramente depois que produtos da Apple são anunciados, diversas entrevistas com executivos pintam aqui e ali.

Publicidade

Desta vez, o próprio CEO da Maçã, Tim Cook, conversou com Robin Roberts no programa Good Morning America, da rede televisiva ABC, acerca de todas as novidades recém-anunciadas pela empresa.

iOS e ARKit

Uma das novidades mais impressionantes que foram reveladas na Worldwide Developers Conference (WWDC) 2017 foi o ARKit. Os exemplos que surgiram pela web são de cair o queixo e nos fazem querer saber até onde a tecnologia pode ir — além de também ficarmos ansiosos para colocar as mãos nos apps que aparecerão. O CEO parece realmente tão empolgado quanto nós, consumidores.

Nós estamos pegando o complexo e o tornando simples, e é nisso que a Apple é tão fantástica. Nós tomamos a complexidade que os desenvolvedores teriam que fazer em seus aplicativos e tornaram mais fácil para eles converter todos os seus aplicativos em uma experiência AR.

Em um dia, podemos disponibilizar AR para centenas de milhões de pessoas. Isso acontecerá dentro de algumas horas. Este é um dia para se lembrar.

O iOS 11 acabou de ser lançado para o grande público.

Face ID

Como a tecnologia de reconhecimento facial apresentada no iPhone X é algo bastante novo, há ainda muitas questões acerca do seu funcionamento. Entretanto, a empresa já falou bastante sobre ela, por meio de seus executivos.

Ainda assim, a entrevistadora trouxe à tona a questão sobre a privacidade e a segurança com o Face ID, mas Cook afirmou que não é algo com o que se preocupar, lembrando que os dados ficam no aparelho.

Publicidade

Nós somos muito protetores dos dados dos nossos clientes. Acreditamos que a privacidade é muito importante neste mundo, há hackers em todos os lugares tentando roubar as suas informações. Queremos que seja seu, não é nosso.

Ainda assim, Cook sugeriu, em um ponto da entrevista, que utilizar o recurso com vários usuários não é algo recomendado, mas não deu detalhes em relação a isso.

iPhone X

Entre diversas polêmicas que o novo aparelho da Apple causou foi a completa remoção do famoso botão de Início; portanto, é claro, este foi um dos assuntos da entrevista. Cook, animadamente otimista como sempre, afirmou que não haverá problemas com a adaptação.

O botão de Início é amado. Mas, pensamos que ter uma tela de uma ponta a outra, de modo que todo o telefone seja uma tela, será algo ainda mais amado.

Um dos espectadores perguntou sobre o preço “fora do alcance” do novo aparelho e o CEO apenas se limitou a dizer que é o preço que se paga pela tecnologia incluída e que poucas pessoas pagam esse preço à vista; uns parcelam, outros têm descontos por conta do programa de troca disponibilizado pela Apple.

Publicidade

O iPhone X estará disponível para compra no dia 27 de outubro, com envio previsto para 3 de novembro.

Steve Jobs

Como não poderia faltar, Roberts citou o momento emotivo de Cook no início do evento, ao inaugurar o Steve Jobs Theater. Ele contou sobre como a visão de Jobs continua na empresa, inalterada, até hoje. Isto é, apesar de venderem bastante, a intenção não é vender o máximo, mas fazer o melhor para todos, não só para alguns.

Eu andei no teatro naquele dia e desde o momento em que entrei naquele dia, eu podia sentir ele lá. Seu DNA é basicamente o DNA da Apple.

[A Apple é] uma empresa baseada em valores, que está fazendo produtos insanamente excelentes, os quais são fáceis de usar e a tecnologia toma o banco de trás. A experiência do usuário é superior para nós, queremos que os usuários sejam felizes.

·   •   ·

Publicidade

Cook ainda falou sobre outros assuntos, como sua resposta ao potencial fim do programa DACA, entre outras questões.

Confira a entrevista na íntegra, em inglês:

via AppleInsider

Posts relacionados

Comentários

Carregando os comentários…