Crie seus próprios códigos QR para links, emails, redes Wi-Fi e muito mais com o app Visual Codes

Com o iOS 11, um novo recurso bastante útil chegou para usuários de iPhones, iPads e iPods touch: a leitura de códigos QR diretamente pelo aplicativo Câmera.

Publicidade

A novidade funciona de maneira bastante simples, prática e rápida: basta você abrir o app nativo, apontar para o código e uma pequena notificação aparecerá para que você toque e vá para onde o código lhe levar — seja um site, um aplicativo na App Store ou qualquer outra coisa.

Assim como acontece com diversos recursos, não duvido que o uso de códigos QR aumente agora que os dispositivos da Apple implementaram essa maneira mais fácil de acessá-los.

Além disso, algo que pode potencializar ainda mais esse uso é o aplicativo Visual Codes, o qual permite que você transforme várias informações em códigos QR.

Publicidade

Ícone do app Visual Codes

Visual Codes

de Benjamin Mayo

Compatível com iPadsCompatível com iPhonesCompatível com Apple Watches
Versão 1.5.2 (32.4 MB)
Requer o iOS 12.0 ou superior
Screenshot do app Visual CodesScreenshot do app Visual CodesScreenshot do app Visual CodesScreenshot do app Visual CodesScreenshot do app Visual Codes

Criado pelo desenvolvedor e redator Benjamin Mayo, este app facilita a criação de códigos QR para destinos com que não estamos acostumados. Isto é, além de ser possível gerar um código para as convencionais URLs de sites, perfis em redes sociais e outros, o aplicativo também permite criar códigos para contatos (nome, email e telefone), localização exata em mapas, email para um contato específico, ligação para um número específico, pesquisas na internet e até acesso a redes Wi-Fi.

Todos os códigos que você cria ficam armazenados e você pode organizá-los como quiser apenas arrastando-os. Você ainda pode escolher entre quatro opções de visual do seu QR code e selecionar um código favorito para acessar direto da Siri (disponível somente em inglês, por enquanto).

É bom deixar claro que o aplicativo requer o iOS 11 para ser instalado, mas você pode enviar os códigos que criar para qualquer pessoa — não importa o aparelho. A diferença está no fato de que quem já está no iOS 11 e escaneia um código irá diretamente para a função; isto é, se conectará automaticamente à rede Wi-Fi, abrirá o app Contatos, o Mapas, ou seja lá o que estiver no código. Aqueles que não têm ainda o novo sistema precisarão de apps de terceiros para escanear os códigos QR e apenas verão as informações escritas (senhas do Wi-Fi, emails, localização, etc.).

Publicidade

Portanto, se você já está com o iOS devidamente atualizado, pode baixar o app gratuitamente na App Store e, caso queira aproveitar as opções de compartilhamento e impressão dos códigos, pode ter acesso a tudo por uma compra dentro do app de US$2.

via The Loop

Publicidade

Posts relacionados

Comentários

Carregando os comentários…