Comparativos dão leve vantagem à câmera do iPhone 8 Plus em relação à do Galaxy Note8 quando o assunto é vídeo

O iPhone 8 Plus chegou causando revoluções em exatamente zero pontos no mundo da telefonia móvel — e esta nem é uma obrigação dele, afinal: sendo uma mera atualização pontual do iPhone 7 Plus, a Apple dá-se por satisfeita em entregar um aparelho familiar, sem grandes novidades, e deixa para causar frisson no mundo com o vindouro iPhone X.

Em um ponto, entretanto, o maior dos novos aparelhos da Maçã tem causado uma recepção mais positiva do que o comum: as suas câmeras, embora no papel muito parecidas com as do seu antecessor, foram extremamente elogiadas em todos os testes especializados e receberam até mesmo a maior nota da história do DxOMark quando se fala de smartphones.

Mas e quando se trata de vídeo, como será que fica a situação? Bom, teoricamente um aparelho com uma boa câmera tem todas as chances do mundo para fazer boas filmagens, mas isso nem sempre é uma regra; para confirmar a habilidade do iPhone 8 Plus em gravações, vários veículos especializados fizeram comparativos com um dos seus concorrentes mais formidáveis, o Galaxy Note8.

O veredito? Os dois fazem uma disputa para lá de acirrada, mas o aparelho da Maçã consegue uma leve vantagem, no fim das contas.

Comparativo de filmagem entre iPhone 8 Plus e Galaxy Note8
iPhone 8 Plus à direita

O teste da CNET é o mais amplo e representativo: eles colocaram os dois smartphones em várias situações e cenários dos mais diferentes tipos, testando as câmeras traseiras e frontal, e concluíram que as imagens produzidas pelo iPhone 8 Plus são mais atraentes, com cores mais vibrantes e detalhes mais preservados; o Note8 apresentou resultados mais realistas, mais fáceis de serem ajustados na pós-produção (se é que alguém além de Zack Snyder faz isso com vídeos despretensiosos gravados por celulares) e também apresentou vantagens na fluidez do vídeo por conta do estabilizador óptico em ambas as suas câmeras (algo que teremos no iPhone X).

Comparativo de filmagem entre iPhone 8 Plus e Galaxy Note8
Câmera frontal – iPhone 8 Plus à direita

Um ponto curioso aqui é notar que, neste ano, os papéis meio que se inverteram: se tradicionalmente a Samsung (e as coreanas em geral) é que tinham a fama de saturarem demais suas fotos para apresentar um resultado artificialmente mais “impressionante” logo de cara, enquanto a Apple sempre preferiu resultados mais neutros, agora parece que a Sammy retrocedeu um pouco nesta tendência enquanto a Maçã preferiu tornar suas imagens mais “processadas” logo de cara.

Comparativo de filmagem entre iPhone 8 Plus e Galaxy Note8
Filmagem noturna – iPhone 8 Plus à direita

A câmera frontal do iPhone 8 Plus também apresentou resultados parecidos ao gravar vídeos, superando a do Note8 em detalhamento e contraste. Um ponto em que o aparelho da Samsung superou com vigor o da Apple, entretanto, foi o de áudio — cenas gravadas numa apresentação musical apresentaram um som bem melhor quando capturadas pelo Note8, que ofereceu uma experiência realmente estéreo de som; o iPhone apresentou resultados apenas satisfatórios. Por outro lado, o smartphone da Maçã consegue gravar a 60 quadros por segundo quando filma em 4K (o sul-coreano chega a no máximo 30qps) e em resolução Full HD 1080p nos vídeos em câmera lenta a 240qps (o Note8 não passa de 720p).

Outros testes apresentaram resultados parecidos. O YouTuber Casey Neistat, por exemplo, chegou à conclusão de que o iPhone 8 Plus apresentou um vídeo mais atraente, com cores mais definidas e contraste mais balanceado; o Note8 foi muito melhor na captura de áudio, mas a naturalidade das cores do vídeo chegou, em certos momentos, a uma aparência de dessaturação. O próprio Neistat lembra, no vídeo, que ele é patrocinado pela Samsung — então qualquer vitória do iPhone, aqui, é ainda mais impressionante.

A PC Magazine, por sua vez, elogiou a estabilização do iPhone e disse que sua câmera é mais versátil por conta de seu maior leque de opções de framerates.

Uma voz dissonante no bolo é a análise do canal do YouTube SuperSaf TV: em seu vídeo, os resultados são basicamente trocados, com o iPhone 8 Plus apresentando cores mais “naturais” e dessaturadas enquanto o Note8 tem resultados mais vivos, quentes e atraentes. Seria uma divergência por conta de sensores de marcas diferentes em algum dos aparelhos? Influência do próprio cenário? Alguma confusão (ou até mesmo má-fé, embora ache difícil para um veículo com tantos seguidores e reconhecimento) por conta do canal? Tirem as suas próprias conclusões:

·   •   ·

No fim das contas, o melhor é notar que já chegamos a um ponto em que qualquer uma das duas escolhas trará total satisfação ao seu dono: as câmeras e capacidades de vídeo dos smartphones modernos já estão tão avançadas que, com uma ou outra diferença pontual, não há como errar e, em vários pontos, a vitória é uma simples questão de preferência. O iPhone 8 Plus, nos testes, acabou sendo considerado o vencedor por um detalhe ou outro, mas certamente todos ficarão felizes com seus aparelhos, seja lá quais eles forem.

O que eu quero ver, agora, é como ficará essa disputa com a chegada do Google Pixel 2.

Posts relacionados

Comentários