Depois do Procon, órgão chinês também quer mais explicações da Apple para lentidão de iPhones

Se você está acompanhando a grande polêmica que se estende desde o mês passado, sobre a Apple ter deliberadamente diminuído a performance de iPhones com baterias desgastadas sem avisar os usuários, sabe que não só vários processos já foram criados contra a Maçã, como também órgãos como o Procon-SP já pediram esclarecimentos acerca do caso.

Não seria diferente para o maior mercado de smartphones do mundo, é claro: de acordo com o veículo estatal Xinhua, o Shanghai Consumer Council escreveu para a Apple pedindo que a empresa forneça mais informações sobre as questões de lentidão dos iPhones com baterias antigas.

iPhone 6 Plus bateria

O grupo, que é uma organização não-governamental aprovada pelas autoridades chinesas e lida com demandas de consumidores, recebeu 2.615 reclamações dos produtos e serviços da Apple só em 2017, número bastante grande comparando com os 954 no ano de 2015.

Mesmo que a Maçã já tenha divulgado um pedido de desculpas, diminuído o preço da troca de baterias e incluído um artigo de suporte em seu site explicando toda a questão, o órgão chinês requer que a empresa explique mais sobre as causas e medidas a serem tomadas.

O prazo dado foi até esta sexta-feira (19/1), então aguardaremos o pronunciamento da Apple, mesmo que provavelmente ela apenas reforce os argumentos presentes no artigo e em seu pedido de desculpas público.

via AppleInsider

Posts relacionados

Comentários