WhatsApp testa formas de coibir spam e correntes indesejadas; Microsoft (finalmente) adicionará criptografia de ponta-a-ponta no Skype

Atenção, conversadores digitais do Brasil e do mundo: trago notícias interessantes envolvendo dois dos mais populares mensageiros instantâneos deste singelo planetinha.

A primeira delas tem a ver com o indefectível novo ícone da cultura nacional, o WhatsApp. De acordo com o site WABetaInfo, especializado em fuçar as versões prévias do aplicativo em busca de futuras novidades, a equipe de desenvolvimento do mensageiro está dedicada a construir um novo recurso que acabará com (ou ao menos diminuirá) uma das suas coisas mais chatas: o spam e as chatíssimas correntes.

Até o momento, essa intenção traduz-se num recurso que notificará o usuário caso a mensagem que ele esteja tentando encaminhar já tenha sido encaminhada mais de 25 vezes. O WhatsApp não impedirá o envio da mensagem, mas caso ela seja enviada, um pequeno aviso aparecerá acima dela, informando a mesma coisa (algo como “essa mensagem já foi encaminhada muitas vezes”).

As medidas certamente não acabarão de vez com o spam e as correntes no mensageiro, mas ao menos servirão como um alerta para que aquele tio chato espalhador de fake news ou aquele amigo que se acha engraçadinho coloquem a mão na consciência da próxima vez em que forem encaminhar uma mensagem do tipo.

De qualquer forma, ainda não sabemos quando o recurso chegará ao WhatsApp e nem se essa será a sua forma final — isto é, poderemos ver mudanças na sua implementação até que ele veja a luz do dia. Aguardemos.

Um recurso que já está funcionando, e nós confirmamos, é a reprodução interna de vídeos do YouTube. Isso já havia sido anunciado há um tempo, mas foi justamente hoje, também segundo o WABetaInfo, que ele foi liberado de vez para usuários do WhatsApp no iOS:

YouTube dentro do WhatsApp

Dá para deixar o vídeo rodando sobre as conversas (numa espécie de PiP, que funciona por todo o app), jogá-lo temporariamente para o canto e, se quiser, colocá-lo em tela cheia. Muito prático!


Ícone do app WhatsApp Messenger

WhatsApp Messenger

de WhatsApp Inc.

Compatível com iPhones
Versão 2.19.121 (143.3 MB)
Requer o iOS 8.0 ou superior

Grátis

Badge - Baixar na App Store

Código QR Código QR

·   •   ·

O segundo mensageiro que está ganhando novidades hoje é o outrora queridinho das videoconferências, o Skype. Em um movimento consideravelmente atrasado — já que todos os grandes mensageiros já tinham adicionado o recurso há pelo menos dois anos —, o TechCrunch informou que o software finalmente ganhará criptografia de ponta-a-ponta nas conversas.

A proteção usará o protocolo Open Whisper Systems, da Signal, o mesmo do WhatsApp e considerado padrão do mercado; ela não será, entretanto, aplicada a todas as conversas do programa. Em vez disso, o Skype ganhará um novo modo, chamado Private Conversation (Conversa Privada), que criptografará mensagens de texto, áudio e arquivos trocados dentro do ambiente. Conversas “normais” continuarão desprotegidas, bem como chamadas de vídeo e áudio.

Novo recurso de conversas privadas com criptografia no Skype

O modo de conversas privadas trará algumas outras particularidades, como o fato de que essas mensagens não aparecerão na sua lista de conversas e nas notificações; textos mandados neste modo não poderão ser editados ou encaminhados e, além disso, conversas privadas iniciadas em um dispositivo não poderão ser retomadas em outro — tudo fica exclusivo daquele aparelho em que a troca de mensagens começou.

O novo recurso já está disponível em fase prévia para os Skype Insiders, membros do programa de testes do mensageiro, na versão 8.13.76.8 ou superior do aplicativo para macOS, Windows, Linux, iOS e Android. Ele deverá surgir para todos os usuários nos próximos meses.


Ícone do app Skype para iPhone

Skype para iPhone

de Skype Communications S.a.r.l

Compatível com iPhones
Versão 8.55 (147 MB)
Requer o iOS 10.0 ou superior

Grátis

Badge - Baixar na App Store

Código QR Código QR


Ícone do app Skype para iPad

Skype para iPad

de Skype Communications S.a.r.l

Compatível com iPads
Versão 8.55 (147 MB)
Requer o iOS 10.0 ou superior

Grátis

Badge - Baixar na App Store

Código QR Código QR

via TechCrunch, MacRumors

Posts relacionados

Comentários