No primeiro ano da administração Trump, Apple investiu um recorde de US$7,07 milhões em lobbying governamental

Quando ouvimos falar de lobbying governamental no Brasil, logo pensamos em algo negativo — muitas vezes atrelado a corrupção. Lá fora, porém, isso é algo totalmente normal e, obviamente, dentro da lei.

A Apple investe pesado em lobbying, mas fechou 2017 — o primeiro ano da administração Donald Trump — com um valor recorde: US$7,07 milhões, 51% a mais que em 2016.

E ela não foi a única nesse ritmo: o Facebook investiu US$11,51 milhões (+34%), o Google colocou US$18,04 milhões (+17%) e a Amazon fechou em US$12,8 milhões (+12%). A Microsoft foi uma exceção às gigantes de tecnologia e reduziu seu investimento em 2%, mas ainda gastou significativos US$8,5 milhões.

Juntas, as grandes empresas do setor de TI gastaram mais de US$50 milhões em lobbying no ano passado.

via Recode

Posts relacionados

Comentários