Apple patrocina evento israelense focado em inteligência artificial; Tim Cook se torna copresidente de evento chinês

Conforme noticiamos aqui no site, a Apple já patrocinou alguns eventos por aí, como a conferência de segurança BSides SF e o Comitê de Realização da 50ª edição do Super Bowl. Ou seja, participar de uma forma mais direta de algum evento não é algo inédito para ela. Agora, porém, a empresa expandiu essa iniciativa internacionalmente ao ser uma das patrocinadoras da Israel Machine Vision Conference (IMVC) 2018.

Como o próprio site da conferência indica, a Apple é uma patrocinadora prata, ao lado da… Qualcomm — sim, afinal, a IMVC não tem absolutamente nada a ver com a briga judicial entre as gigantes, que já se espalhou mundo a fora.

Além de patrocinadora, a Apple também participará do evento como expositora (exhibitor). Eitan Hirsh, que lidera a equipe de pesquisa e desenvolvimento de detecção de profundidade da empresa, palestrará sobre as tecnologias envolvidas na câmera frontal do iPhone X (TrueDepth).

Vamos dar uma visão geral sobre o sistema de câmera TrueDepth do iPhone X, seu design e capacidades. Também descreveremos as camadas algorítmicas que são usadas em alguns dos recursos que permitem e descrevem como ela pode ser usada pelos desenvolvedores.

Câmera frontal do iPhone X

A IMVC é uma conferência focada em todos os tipos de aprendizagem de máquina e inteligência artificial, cobrindo tópicos que incluem AI, aprendizado profundo, aprendizagem autônoma, rastreamento ocular, robótica e muito mais. O evento acontecerá no dia 6 de março, em Tel Aviv (segunda maior cidade de Israel).

A Apple, conforme já destacamos no MacMagazine, tem uma relação bem próxima com o país; além de um escritório e centros de pesquisas & desenvolvimento, a Maçã já adquiriu diversas startups/companhias israelenses (RealFace, LinX, Anobit, entre outras).

Evento na China

Numa nota relacionada, Tim Cook (CEO da Apple) será copresidente do Fórum de Desenvolvimento da China em 2018, conforme informou o Wall Street Journal.

Trata-se de uma reunião anual destinada a promover o diálogo entre o governo chinês e líderes empresariais globais. No hall de copresidentes do evento, já tivemos executivos como Mark Fields (CEO da Ford) e Doug Oberhelman (chefe executivo da Caterpillar).

Vale notar que o evento em si não é uma novidade para Cook; em 2017, além de participar do evento, ele discursou sobre temas como globalização, economia e privacidade.

Após as recentes decisões da Apple para se enquadrar nas leis chinesas, o que não faltará no fórum será assunto para se discutir…

via 9to5Mac: 1, 2

Posts relacionados

Comentários