Fontes corroboram possibilidade de um novo iPad de baixo custo sendo lançado no evento da semana que vem [atualizado: Apple Pencil]

Daqui a quatro dias, teremos o primeiro evento especial da Apple em 2018 — este focado em educação e realizado, excepcionalmente, numa escola de Ensino Médio na cidade de Chicago (Illinois, Estados Unidos).

Além de novos softwares focados em educação para complementar os já existentes, tudo indica — até pela própria época do ano — que veremos por lá o lançamento de novos iPads. E fontes da Bloomberg corroboram diretamente essa possibilidade.

Segundo informações apuradas pelo garoto Mark Gurman, a Apple está se preparando para lançar um novo iPad de baixo custo mirando principalmente escolas/universidades. Nos últimos anos, a Apple perdeu boa parte desse mercado para os Chromebooks do Google e alguns tablets rodando Android, além de um pedaço também ter sido abocanhado pela Microsoft.

Não há, porém, detalhes de como será esse iPad. O modelo de entrada hoje em dia é o de 9,7 polegadas, que em sua versão Wi-Fi de 32GB custa US$329 nos Estados Unidos ou R$2.499 aqui no Brasil. Ele tem um processador A9, câmeras inferiores às dos modelos Pro e não é compatível com o Apple Pencil e nem com o Smart Keyboard.

A Bloomberg também cita, em sua reportagem, que deveremos ver este ano (mas dificilmente no evento da semana que vem) um novo MacBook “de menos de US$1.000” para substituir os atuais modelos de entrada do MacBook Air — conforme apostamos neste outro artigo, recentemente.

Saberemos ao certo em breve! 😉

Atualização 23/03/2018 às 14:50

Segundo uma nota liberada hoje a investidores pelo analista Ming-Chi Kuo, da KGI Securities, muito provavelmente os novos iPads de baixo custo ganharão suporte ao Apple Pencil.

O próprio Gurman também aposta nisso:

Olhando o convite do evento, também temos um indicativo de que o Pencil será um dos focos centrais dele. E que venha uma nova versão do lápis para acompanhar! 😉

via MacRumors

Posts relacionados

Comentários

21 comments

  1. imagino que não faria sentido ela lançar um iPad “de baixo custo” que é focado para a educação, mas que não seja compatível com a Apple Pencil.

  2. Talvez estejamos falando de um novo iPad mini. Teoricamente ele deveria ser o mais baixo custo na linha de iPads, coisa que, no momento, não é.

  3. eu não estava tão empolgado para o evento de setembro/17 como estou pra esse.
    To precisando trocar o iPad, mas não vejo razão para investir tanto $$ e comprar o Pro.

    Se a Apple meter um A10 (o Pro usa A10X), suporte ao Apple Pencil, e ainda reduzir um pouco o preço… cara, me jogo no novo iPad.

  4. O iPad de baixo custo é na verdade o iPad básico , iPad 5 que temos hoje. Eu tenho um e acho ele bem incrível. Tomara que revisem e coloquem uma tela maior, vai ficar show!

  5. Algo que seria muito bem vindo no Ipad, pelo menos o pro, torna-lo pro de fato, alé do tao pedido suporte a mouse, seria muito interessante poder plugar ele num dock, tal qual os macbooks e ter suas funções expandidas, poder usar mais de uma tela e suporte a mais perifericos, discos externos, seria sensacional, não vai dar pra ir cada vez mais colocando poder computacional no bicho e deixar ele limitado numa tela pequena.

  6. Tenho receio de produtos Apple de baixo custo, prq eles nunca são de baixo custo no Brasil! Na minha opinião não vale a pena comprar algo “capado”, custando sla, 3 mil, sendo que o custo benefício de uma versão anterior do iPad Pro 10.5” pareça mais lógica.

    Não sei como ela vai fazer um produto bom, barato e que não canibalize a versão Pro, mas tenha recursos e performance similar.

    Acho que a saída é oferecer a versão anterior do Pro por um preço mais em conta para estudantes (criando um programa de compra com preço camarada para quem puder comprovar que estuda de fato) assim, não canibalizaria as vendas da geração nova e escoaria a geração anterior.

    Essa comprovação é similar à que se teria hj, mas abrangendo um número maior de entidades, n sendo apenas universidades.

  7. Quero ver o Apple Pencil desenhar direto sobre qualquer papel… wacom Spark sempre a frente + livescribe 3 sempre sempre…

  8. ipad mini semi-pro vem aí com suporte ao apple pencil normal – com certeza será bunitim – Apple pencil 2.0 só vai ser lançado junto com um novo ipad prozão de 12, que é voltado ao hard user e pode achar útil barrel rotation, ponteiras em formato wedge, etc, coisas que faltam no apple pencil atual

  9. O iPad Mini era perfeito para esse público. Eu usei o meu até virar um peso de papel morto na gaveta devido o assassinato via software da Apple. Hoje uso um Galaxy TAB com S-Pen que é bastante produtivo.

  10. Os Chromebooks, que agora executam aplicativos Android, estão dando uma surra de vendas na área educacional dos EUA. Para mim é óbvio que a Apple deveria lançar um MacBook com tela sensível ao toque e “modo iOS”, mantendo portanto também o macOS. E claro que a caneta poderia funcionar também. Caberia à Apple reduzir custos, quem sabe voltar a utilizar o acabamento do MacBook White.

  11. Não sei se tem correlação (muito provável que sim) mas a loja on-line da Apple está fora do ar a 1h antes do evento.

    Teremos novidades sim.

Deixe uma resposta