Apple Pencil tem minúscula redução de preço no Brasil e desconto educacional também valerá por aqui; capas ganham novas cores

Ao menos algumas das novidades anunciadas pela Apple na keynote de hoje estão chegando com efeito imediato ao Brasil — e elas tem tudo a ver com o Apple Pencil.

Contrariando especulações, não vimos nenhuma mudança na stylus da Maçã, que permanece exatamente a mesma de sempre com seu corpo perfeitamente cilíndrico e propício a rolamentos indesejados. Mas a primeira boa notícia é que o Apple Pencil está um pouquinho (ênfase no diminutivo) mais barato no Brasil para todo mundo: de R$750, o bichinho agora custa R$730. Imperdível, né?

Melhor ainda é notar que o desconto educacional anunciado pela Maçã — nos EUA, o Pencil custará US$90 para estudantes e professores, que representa US$10 a menos em relação ao seu preço regular — também valerá por aqui. Acessando a loja educacional da Apple, constatamos que a canetinha, agora, poderá ser adquirida por R$650 na oferta especial.

É bom lembrar sempre que os descontos educacionais da Maçã no Brasil estão disponíveis para estudantes, pais de estudantes, professores e funcionários de escolas de ensino fundamental, médio, técnico ou superior reconhecidas pelo MEC; os compradores devem ter um documento que comprove o seu vínculo com a instituição digitalizado para ser fornecido à Apple, caso solicitado.

·   •   ·

Em uma nota relacionada aos iPads — só que, nesse caso, os iPads Pro —, a Apple aproveitou a ocasião para apresentar novas cores para a Leather Sleeve e a Smart Cover do seu tablet de 10,5 polegadas.

O acessório de couro ganha as opções Electric Blue (uma espécie de azul marinho claro) e Soft Pink (um rosa claro), totalizando agora oito cores diferentes. Já a Smart Cover pode agora sair também nas versões Lemonade (um amarelo claro) e Red Raspberry (uma opção mais suave de vermelho), totalizando dez cores.

Por enquanto, as novas cores estão disponíveis apenas para o iPad Pro de 10,5 polegadas, e não sabemos se o seu irmão maior também receberá as novidades.

·   •   ·

Seguindo o mesmo ritmo, a capa de silicone para iPhone X, a capa de couro para iPhone X e a capa de couro Folio para iPhone X todas ganharam algumas dessas novas cores, também.

Novas cores de capas para iPhone X

·   •   ·

Ah, e por fim, um aviso: a nova coleção da primavera de pulseiras para o Apple Watch, da qual já tratamos aqui, acaba de ser disponibilizada para venda nas lojas da Maçã em 11 países — Estados Unidos, Austrália, Canadá, China, França, Alemanha, Hong Kong, Japão, Singapura, Suíça e Reino Unido.

Posts relacionados

Comentários

6 comments

  1. Curioso que quando o reajuste é pra cima, o dólar vale 7 ou até 10 reais, mas quando é pra menos, vale 2, né, Apple? Nesses casos a gente não pode só jogar tudo em cima de imposto, todo mundo tem sua parcela.

  2. Creio que a culpa seja da Apple (quase somente) e gostaria de usar alguns fatos para ilustrar minha sensação com vocês. Coisas da Apple são caras no BR, mas também são na Inglaterra/Europa, onde a conversão de preços dá tapa na cara de todo mundo (lá vive-se melhor com poucos euros na Europa do que com poucos dólares nos EUA). Vejamos um exemplo dos concorrentes: monitor 4K da Samsung tem preços quase idênticos na Europa, EUA e Brasil (com as devidas conversões, ~399+taxUSD, ~450EUR, ~1600BRL). Se a Samsung consegue colocar preços similares em diversas regiões do globo, o fato da Apple não conseguir não é culpa de governo(s), não é? A Samsung faz, pq a Apple não? (Dica: não quer, e é direito dela). Tem outro exemplo, o BeatsX sai nos EUA por 149+tax no BR, sai por 719,10 (à vista). O Airpods custa nos EUA 159UDS+tax e no BR R$ 1259,10. Isso mesmo, quase somente 10 dólares a mais que viram 540 reais!!! Que imposto, governo, efeito satânico é esse nesses 10zinhos? Dizer que é governo, que é imposto, que é isso ou aquilo, poupando a Apple simplesmente não vale a pena. Os preços que ela coloca no BR não justificam nenhum apoio nosso (você ainda pode e deve cobrar dos seus governantes políticas mais eficientes e entender cada vez mais sobre os impostos que pagamos). Um abraço pra vocês galera!

  3. Sobre as sleeves, “azul marinho claro” acho que não existe já que o marinho já pressupõe uma direção de azul (é tipo falar “vermelho escuro claro”). Talvez seria melhor dizer azul real (royal)?

  4. Apple vende pelo preço que vende porque tem gente que compra. É muito simples, gente. Parem de reclamar dos preços e da bateria pelo amor de Deus!!!!

Deixe uma resposta