Apple está contratando centenas de engenheiros que se focarão em aprimorar a Siri

Já existe uma convenção entre os que acompanham tecnologia de que a Siri definitivamente não é a mais inteligente das assistentes virtuais, principalmente em português. Isso ficou ainda mais evidente com a chegada do HomePod, mesmo que ela esteja ligeiramente mais “esperta” no alto-falante do que nos iGadgets.

Se isso já é fato entre nós, imagina para a Apple; com certeza ela sabe — mesmo que não admita — onde o calo aperta. E, para tentar se recuperar, parece que a Maçã está finalmente fazendo algo em relação a isso: conforme notou a Thinknum, a Apple está contratando centenas de engenheiros focados somente em aprimorar a Siri.

Siri HomePod

O número de vagas abertas que contêm o termo “Siri” acelerou nas últimas semanas, sendo a maior procura de todos os tempos, com 161 vagas de empregos publicadas somente hoje. Isso marca um salto na contratação da palavra-chave de 24% em pouco mais de um mês.

Conforme pode ser visto no gráfico abaixo, que mostra o número de vagas de acordo com o termo “Siri”, a empresa continuou procurando bons empregados para aprimorar a assistente, mas atualmente está contratando basicamente duas vezes mais do que no mesmo período do ano passado.

Algo, portanto, deve ter impulsionado o crescimento ainda mais agressivo em procurar engenheiros capacitados e é o que se pode ver no gráfico, que mostra um aumento no número das vagas a partir de julho do ano passado e um pico em fevereiro deste ano, exatamente quando o HomePod foi lançado e diversos usuários comentaram sobre a sua maior fraqueza ser a Siri.

Vagas com o termo Siri

Em relação às vagas disponíveis, 154 são para engenheiros de software, enquanto somente 1 é para design, 3 são para gerente de produto e 3 para lidar com sistemas de informação e tecnologia.

Quanto aos padrões nos cargos, o título mais comum é “Siri – Engenheiro de Software”, dos quais existem cinco posições. Já “Siri – Engenheiro iOS” possui três vagas.

O restante é um punhado de habilidades de engenharia, desde Engenheiros de Infraestrutura, Engenheiros de Aprendizado de Máquina, até Engenheiros de Processamento de Linguagem Natural (NLP).

Será que, finalmente, nós veremos uma Siri do mesmo nível — ou ainda melhor — do que as outras assistentes do mercado? Nos resta apenas torcer, esperar e, no caso do Brasil, esperar mais um pouco.

via Cult of Mac

Posts relacionados

Comentários