Nova linha de processadores da Intel inclui o chip mais rápido já feito para laptops — que pode vir a equipar futuros MacBooks Pro

É improvável que o timing tenha a ver com a pequena bomba jogada ontem pela Bloomberg, mas o fato é que a Intel está se mexendo para apresentar a sua nova linha de processadores e trazer novidades que, a menos no curto prazo, deverão chegar ao Mac mais perto de você. A gigante apresentou hoje um novo grupo de chips da oitava geração de processadores destinado a laptops, incluindo um novo e deveras apetitoso Core i9 — o primeiro da série para portáteis.

Se você está confuso com essa bendita oitava geração da Intel e se perguntando sobre o porquê de já termos coberto um grupo de processadores dessa mesma geração há mais de um semestre, é perfeitamente compreensível: a linha de chips da empresa está numa fase de transição bem complexa, com diversas arquiteturas e pequenas variações permeando os diferentes modelos e séries.

O fato é que esses novos processadores apresentados hoje trazem a arquitetura “Coffee Lake”, ainda com base no processo de fabricação de 14 nanômetros, porém mais modernos que o padrão “Kaby Lake” anterior, que equipa a maioria dos Macs à venda atualmente. Os novos chips podem reproduzir 41% a mais quadros por segundo em jogos ou editar vídeos em 4K 59% mais rapidamente do que a geração anterior com um chip gráfico discreto, segundo a fabricante.

A grande estrela do show é o novo Core i9-8950HK, primeiro chip da série i9 disponível para computadores portáteis, que tem 6 núcleos e 12 threads com clock-base de 2,9GHz e Turbo Boost de 4,9GHz — tudo isso responsável por criar, segundo a Intel, o processador para laptops mais poderoso de todos os tempos.

O chip também suporta até 32GB de RAM, o que (considerando que ele venha para algum MacBook eventualmente) representaria o fim da frequente reclamação dos donos de MacBooks Pro relacionada aos 16GB máximos de memória. Que tal? 😉

Novos processadores Intel de oitava geração

O novo grupo traz ainda dois novos modelos de Core i5, dois de Core i7 e dois da série Xeon, esta dedicada a servidores e ao mercado profissional — como vocês podem ver na tabela acima. Para máquinas menos parrudas, temos também quatro chips mais “modestos”, dois da série i5 e dois da i7:

Novos processadores Intel de oitava geração

Não sabemos, naturalmente, quais desses chips chegarão aos Macs, mas não seria nada mau ver um MacBook Pro com esse novo Core i9, não é verdade? Só nos resta sonhar…

via Patently Apple

Taggeado:

Posts relacionados

Comentários