Agora é oficial: Apple mata a linha AirPort

A Apple acaba de fazer o que já deveria ter feito há muito tempo, já que optou por não manter a linha atualizada: ela está matando todos os AirPorts.

Em um comunicado enviado ao Tom’s Guide, a Apple confirmou hoje que está descontinuando oficialmente o AirPort Express, o AirPort Extreme e os AirPorts Time Capsule.

O primeiro indício forte de que isso iria acontecer surgiu em meados de janeiro, quando ela começou a vender uma solução da Linksys em suas lojas — mas na verdade isso já era visto como possibilidade desde o final de 2016.

Voltando à primeira frase do post, é realmente uma grande pena que a Apple esteja pulando fora desse barco. Por outro lado, ela tinha que fazer algo; o AirPort Express era um que não tinha sentido nenhum ainda estar à venda, já que havia sido lançado em junho de 2012 e ainda era 802.11n. Os dois outros já eram 802.11ac, mas também vinham sem mudanças no hardware há quase cinco anos — que, em tecnologia, é uma eternidade.

A Apple afirmou que consumidores ainda poderão encontrar os produtos à venda tanto online quanto em lojas físicas, mas só enquanto os estoques durarem. Como foram descontinuados oficialmente hoje, ela ainda deverá continuar prestando suporte e liberando algumas atualizações de software/segurança para eles por alguns anos.

AirPort original de 1999

A primeiríssima base AirPort [acima] foi lançada pela Apple em julho de 1999.

Taggeado:

Posts relacionados

Comentários