Novos iPhones não deverão vir com o adaptador de Lightning para fones de ouvido

Muitos ficaram indignados, em 2016, quando souberam que a saída de 3,5mm para fones de ouvido deixaria de existir nos iPhones a partir daquele ano. Desde então, a Apple tem incluído, como acessório obrigatório dos aparelhos, um pequeno adaptador Lightning que permite aos usuários utilizarem seus produtos com essa saída nos seus iPhones.

No entanto, essa pequena facilidade poderá não mais vir como acessório do possível trio de iPhones que serão apresentados em setembro deste ano — ao menos de acordo com Blayne Curtis, analista da Barclays.

Há um ano, o mesmo analista relatou que o adaptador iria continuar nos modelos de 2017; de fato, o adaptador de Lightning para 3,5mm ainda existe nas caixas dos iPhones 8, 8 Plus e X. No entanto, Curtis indica que provavelmente este ano a Apple não irá mais incluí-lo com os novos dispositivos.

Se a mudança de fato se materializar, a primeira fornecedora afetada seria a Cirrus Logic, que produz componentes para o adaptador. Inclusive, a Barclays prevê uma diminuição da receita para o primeiro trimestre fiscal e anual da empresa em 5%, cenário que poderá mudar caso as previsões se mostrem erradas com a apresentação dos novos aparelhos da Maçã.

·   •   ·

Em uma nota relacionada, outro analista da Barclays, Mark Moskowitz, rebaixou a estimativa de vendas do iPhone X com base no alto preço do modelo flagship e em outros fatores relacionados à prioridade dos consumidores (duração da bateria, câmera e mensagens). Essas questões são responsáveis pela queda nas vendas não só da Apple, como também de outras fabricantes.

Ainda de acordo com Moskowitz, o suposto modelo de iPhone com tela LCD que será anunciado este ano poderá contribuir para um melhor resultado de vendas, mas nada muito expressivo.

A Barclays se adiantou a comentar os possíveis resultados fiscais da Apple para o segundo trimestre fiscal e prevê que, se os números ficarem dentro do previsto, as ações da Maçã poderão ver uma venda absoluta de novos papéis. Para a empresa, o preço-alvo das ações da Apple vão girar em torno de US$157, um pouco abaixo dos US$165 atuais. A Apple divulgará os resultados oficiais amanhã, dia 1º de maio.

via MacRumors, 9to5Mac

Posts relacionados

Comentários