iOS 13 deverá ter melhorias bem focadas no iPad

O iOS 12 nem saiu ainda. Se a Apple seguir o seu cronograma tradicional, ele será revelado ao mundo durante a Worldwide Developers Conference (WWDC) 2018, que acontecerá no começo de junho. Alguns rumores sobre a décima segunda versão já apareceram (ele deverá ser bem focado em qualidade/segurança), mas isso não impede de já falarmos sobre o iOS 13, que só será lançado em 2019!

Num bate papo no Twitter, Mark Gurman (da Bloomberg) soltou algumas poucas informações até então desconhecidas do futuro sistema operacional.

A primeira informação (não tão pertinente assim) é o codinome do iOS 13, que seria Yukon. A Apple tem uma tradição de, internamente, dar nomes de locais com neve/estações de esqui para as versões do iOS. Então o nome faz sentido, já que a nova escolha se enquadra nesse perfil.

Entrando nos recursos em si, Gurman disse que o iOS 13 virá com um novo aplicativo Arquivos (Files) e uma melhoria no sistema como um todo, fazendo com que documentos não necessariamente precisem estar atrelados a um aplicativo em si. Além disso, contará com abas dentro de alguns aplicativos (como estamos acostumados no macOS), terá a capacidade de rodar duas telas do mesmo app no modo Split View (tela dividida) e virá com melhorias no Apple Pencil.

A décima terceira versão do sistema operacional móvel da Apple viria ainda com um redesenho da Tela Inicial (Home Screen) — e o novo design seria bastante focado/pensado no iPad.

Algumas das novidades acima inclusive já foram compartilhadas por Gurman, mas de fato ele agora mencionou coisas novas de forma despretenciosa — e, como tem um ótimo histórico em se tratando de vazamentos da Apple, a probabilidade de isso tudo ser verdade é grande. Por outro lado, estamos um pouco distantes de 2019 e alguns planos ainda poderão mudar até lá.

Posts relacionados

Comentários