Apple Pay Cash recebe a melhor avaliação entre serviços de envio de dinheiro

Em face à crescente adoção e expansão dos serviços de pagamento P2P (peer-to-peer, ou ponto a ponto), a Consumer Reports realizou, pela primeira vez, um teste entre os principais serviços que estão, aos poucos, revolucionando a forma de receber e enviar dinheiro. Para o teste, a CR analisou cinco deles: Apple Pay Cash, Venmo, Zelle, Square Cash e o serviço P2P do Facebook Messenger para ver como eles se saem.

O teste teve como objetivo mostrar como esses serviços autenticam os pagamentos para evitar fraudes e erros, como eles protegem os dados dos usuários e também como é a qualidade do atendimento e suporte ao cliente, incluindo quais são as possíveis taxas para utilização do serviço, bem como a divulgação de outras informações essenciais para o consumidor. Nesse sentido, todos os cinco foram classificados como “bons o suficiente” para serem usados, mas o Apple Pay Cash foi o vencedor com uma pontuação geral mais alta, principalmente por conta das suas medidas de privacidade e segurança.

Ranking dos serviços P2P avaliado pela Consumer Reports

De acordo com a CR, o Apple Pay Cash foi o único serviço que limitou as informações coletadas sobre as transações dos usuários as quais são compartilhadas. Além disso, ele não armazena números de cartão de crédito ou de débito e, como outros serviços prestados pela Apple, nenhuma das informações pessoais é vendida para outras empresas. O Apple Pay só não ganhou uma boa avaliação no quesito compatibilidade, já que ele é limitado aos dispositivos Apple.

O ponto forte do Apple Pay Cash foi, ao mesmo tempo, o ponto fraco dos outros serviços como Venmo, Facebook Messenger e Square Cash. É verdade que eles foram classificados acima da média na maioria das categorias, exceto em privacidade. Já o Zelle foi rebaixado devido à falta de clareza nas suas políticas de coleta e compartilhamento de dados, além de não conseguir oferecer uma maneira de confirmar os pagamentos através do app para smartphone — o que deverá ocorrer até o fim deste ano, segundo a empresa.

Diferentemente do Apple Pay, o recurso Apple Pay Cash continua disponível apenas nos EUA desde o seu lançamento em dezembro passado e, por enquanto, não há previsão de quando será expandido para outros países.

Por aqui, o Banco do Brasil já se prepara para se juntar ao Banco Itaú na lista de instituições financeiras com suporte ao Apple Pay — o serviço foi anunciado em abril passado no país.

via AppleInsider

Taggeado:

Posts relacionados

Comentários