Rumores: novos MacBooks, iPhones, AirPower e… nada de iPad mini!

Vem chegando a data do próximo evento especial da Apple e, com isso, os ânimos também aumentam para o aguardado anúncio dos tão especulados novos produtos da Maçã. Para colocar mais lenha na fogueira, o (polêmico) DigiTimes compartilhou algumas novas informações sobre o que devemos esperar para o próximo mês — além daqueles que já estamos carecas de saber.

De acordo com o site taiwanês, a Apple deverá lançar sua nova série de MacBooks de entrada com algumas atualizações, incluindo o processador “Kaby Lake” da Intel, apresentado no ano passado. Segundo fontes do setor, o modelo de entrada poderá custar US$1.200, preço um pouco acima do então aguardado “MacBook Air com tela Retina” (que também contaria com a sub-geração de processadores da Intel), porém seria ainda mais barato que a versão atual, custando menos de US$1.000.

Ao que tudo indica, a Apple queria, originalmente, lançar o MacBook mais barato de 13 polegadas no início deste ano, porém problemas com a produção do chip de 10nm da Intel atrapalharam os esquemas da Maçã. Aparentemente, a companhia revisou, então, o design do produto para adotar os chips de 14nm da família “Kaby Lake”, dados os contínuos atrasos na produção do componente.

Esses rumores podem indicar, ainda, que esse modelo de entrada seja o próprio MacBook Air que ouvimos falar no mês passado. Contudo, se ele for realmente lançado a US$1.200, isso deixará uma dúvida no ar sobre como a Apple irá lidar com a demanda por dispositivos mais baratos. Será que a atual versão do MacBook Air vai continuar à venda por mais um ano ou esse mercado vai passar a ser de responsabilidade dos iPads Pro? Veremos.

Por falar nos iPads, o DigiTimes relembrou um relatório do analista Ming-Chi Kuo de que a Apple deverá revelar novos iPads Pro de 12,9″ e de 11″, ambos equipados com Face ID e uma tela ocupando toda a parte frontal. Além disso, os novos iPads poderão vir acompanhados do aguardado adaptador de energia de 18W, projetado com uma interface USB-C para uma experiência de carregamento mais rápida.

Para a infelicidade dos fãs da linha mini do iPad, o site taiwanês não trouxe boas notícias. De acordo com eles, a Apple (até agora) não tem planos para uma atualização ou mesmo um novo lançamento do iPad mini. Ainda assim, é especulado que a Maçã continue vendendo a última versão do dispositivo, o iPad mini 4, junto ao iPad de sexta geração e aos novos modelos de iPads Pro.

No relatório, eles também afirmaram que a Apple anunciará no evento do próximo mês o cronograma de lançamento do seu primado carregador sem fio. O valor estimado por eles para o AirPower vai ao encontro daquele especulado pelo site chinês Chongdiantou no início desta semana, porém com uma margem um pouco maior de diferença (podendo custar entre US$160 e US$190).

Por fim, mas não menos importante, estão os próximos iPhones — e, aqui, o DigiTimes não contou nenhuma novidade. Conforme comentamos dezenas de vezes, a Apple deverá lançar três novos modelos do gadget, um com tela OLED1 de 5,8″ (supostamente o sucessor do iPhone X), um com tela OLED de 6,5″ (o “iPhone X Plus”) e outro modelo intermediário, com tela LCD2 de 6,1″ — que, ao que tudo indica, deverá ser o dispositivo mais acessível e convencional da linha.

Entre outros rumores que circulam a nova série de iPhones, é possível que os modelos com display OLED sejam disponibilizados em três opções de armazenamento: 64GB, 256GB e 512GB. Além disso, eles poderão contar com suporte ao Apple Pencil, algo inédito para os iPhones. Com relação ao modelo intermediário, alguns rumores apontam que ele poderá vir em cinco cores e que, talvez, demore mais que seus irmãos para chegar às lojas devido a dificuldades na sua fabricação.

via MacRumors

Taggeado:

Posts relacionados

Comentários