Carregadores sem fio da ZENS desafiam o AirPower com design ultrafino

Vejam como são as coisas: quando a Apple apresentou ao mundo o AirPower, há quase um ano, a ideia de um carregador sem fio para múltiplos dispositivos era quase inédita — já havia algumas opções no mercado, mas todas trambolhudas e de origem duvidosa.

Nesses últimos 11 meses em que a Maçã manteve-se silenciosa sobre o produto, entretanto, o cenário mudou: várias fabricantes, incluindo algumas de renome, apresentaram e lançaram concorrentes do AirPower antes mesmo de ele ver a luz do dia. Agora, a ZENS está mostrando aquele que é provavelmente a alternativa mais formidável ao (futuro) acessório da Apple.

Os três carregadores wireless da fabricante, apresentados em Berlim como prévia da feira de eletrônicos IFA (que começará por lá a partir desta sexta-feira, 31/8), têm em comum um design ultrafino em alumínio e a capacidade de recarregar dispositivos em suas taxas máximas — o carregamento rápido dos iPhones, por exemplo, está garantido.

Carregadores sem fio para múltiplos dispositivos da ZENS

São três modelos: o Single Aluminum Wireless Charger (50€), que carrega apenas um dispositivo a 10W, o Dual Aluminum Wireless Charger (80€), que carrega dois dispositivos a uma taxa total de 20W e — o real competidor do AirPower — o Dual+Watch Aluminum Wireless Charger (100€), parecido com o anterior mas com uma haste que apoia um carregador especial para o Apple Watch. Este modelo também apresenta uma taxa total de carregamento de 20W.

É bom notar que, por mais elegantes que sejam as criações da ZENS, elas não trazem um dos principais diferenciais do AirPower — justamente a possibilidade de posicionar seus aparelhos em qualquer local da superfície de carregamento para que a recarga se inicie. Aqui, como em todas as outras bases de recarregamento múltiplo sem fio, há um local específico para posicionar os gadgets — o que pode ser meio inconveniente, por exemplo, para repousar seu iPhone no escuro antes de dormir.

Ainda assim, os acessórios têm — provavelmente — um valor menor do que aquele que a Apple deverá pedir pelo seu carregador oficial, e o fato de serem muito bem construídos também não atrapalha em nada. Eles chegarão aos mercados europeu e americano no dia 15 próximo. Curtiram?

via MacRumors

Posts relacionados

Comentários