Cabos Lightning/USB-C de terceiros certificados pela Apple poderão chegar em 2019

Quer comprar um cabo Lightning para USB-C? No momento, você só tem duas opções: gastar uma fortuna com o acessório oficial da Apple (mais precisamente, R$120 pelo cabo de 1m ou absurdos R$220 pelo de 2m) ou recorrer a acessórios não-certificados — o que eu não recomendo pela simples falta de segurança que eles trazem.

Isso acontece porque cabos desse tipo não são contemplados pelas especificações da Apple no seu programa MFi (Made for iPhone/iPad/iPod) e, portanto, a Maçã não emite certificados para eles. O cenário, entretanto, pode estar prestes a mudar.

De acordo com o blog Macotakara [Google Tradutor], a Apple introduzirá em breve no programa MFi as especificações para cabos de Lightning para USB-C de terceiros e os primeiros acessórios certificados chegarão ao mercado em meados de 2019 — talvez um pouco atrasados considerando que, ao que tudo indica, os iPhones que serão apresentados na próxima semana já virão com um cabo do tipo na caixa em vez do tradicional Lightning/USB-A. Antes tarde do que nunca, entretanto.

É bom notar que esses novos cabos USB-C certificados poderão ser um pouco mais caros do que os USB-A já presentes no mercado há anos. Isso porque o conector Lightning utilizado neles deve ser de um tipo ligeiramente diferente, já utilizado no acessório oficial da Maçã, que suporta taxas maiores de energia para carregamento rápido. De acordo com fontes, esse componente seria cerca de US$0,50 mais caro para as fabricantes — mas esse valor, claro, se multiplica no preço final para o consumidor.

Com essa notícia e a liberação, alguns meses atrás, de acessórios MFi com portas USB-C, está aberto o caminho para que fabricantes criem suas próprias soluções de carregamento rápido cabeado. Boas novas, não é?

via 9to5Mac

Taggeado:

Posts relacionados

Comentários