Quase 80% da atividade móvel em empresas acontece no iOS

A Apple pode estar se esforçando para ver seus computadores e ecossistema penetrarem o mercado empresarial com mais contundência, mas se tem um aspecto do mundo corporativo em que a empresa já está surfando na crista da onda é nos dispositivos móveis. Querem prova? Basta ver essa pesquisa divulgada recentemente pela firma de proteção e transferência de dados Egnyte.

Com base na análise de mais de 16 petabytes (sim, 16 milhões de gigabytes!) de dados dos seus clientes corporativos — mais de 6,5 bilhões de registros de atividade —, a firma descobriu que 79% da atividade móvel no mundo empresarial ocorre no iOS — ou seja, quando estão no trabalho, pessoas utilizam iPhones ou iPads em quase 4/5 dos casos para se comunicar, colaborar em projetos ou estabelecer conexões. Nesse universo de atividade do iOS, 59% acontece em iPhones e 41% em iPads.

Pesquisa da Egnyte sobre uso do iOS em espaços empresariais

Interessante ainda notar que, entre os dispositivos mais utilizados para o trabalho (levando em conta todas as plataformas), o Top 5 é dominado por produtos da Maçã, com o iPhone 7 em primeiro lugar e o iPhone 6s, o iPad Air 2, o iPhone 7 Plus e o iPhone 6 vindo em sequência. A Egnyte afirmou que dispositivos mais novos (e caros) como o iPhone X ou o iPad Pro estão todos no Top 20, mas não tão bem colocados porque o mercado empresarial tende a atualizar seus dispositivos com uma frequência menor que os consumidores finais.

Entre as áreas nas quais o iOS mais cresce, temos como campeã o segmento de TI (82%), o de mídia e entretenimento (76%) e o de construção civil (62%). Outros destaques são as áreas de imobiliárias, serviços financeiros, serviços corporativos e planos de saúde — todas com um crescimento superior a 50%.

Claro, tudo isso se refere ao mundo móvel. Se o assunto for computadores, o cenário muda significativamente de figura: as empresas usam PCs em 91% do tempo, com os Macs tendo apenas 9% do mercado corporativo — e olha que esse número está em franco crescimento após os esforços recentes da Apple em firmar parcerias com gigantes do mundo empresarial, hein! Será que há mais possibilidade de crescimento para a Maçã nesse dificílimo segmento?

via 9to5Mac

Posts relacionados

Comentários