Novos iPads Pro rivalizam MacBooks Pro de 2018 em benchmarks

Na keynote da última terça-feira, quando apresentava os novos iPads Pro, a Apple afirmou que eles são mais rápidos que 92% de todos os PCs portáteis no mercado. Ela não exagerou.

Os benchmarks dos iPhones XS, XS Max e XR, equipados com o chip A12 Bionic, já impressionaram. Os novos iPads Pro vêm com o A12X Bionic, ainda mais potente; e, vejam só, eles já estão rivalizando os MacBooks Pro de 2018 — que já tinham obtido um bom salto de desempenho em relação aos modelos do ano passado.

Em um dos testes do novo iPad Pro que já pintaram na base de dados do Geekbench, ele registrou 5.020 pontos no teste single-core e absurdos 18.217 no multi-core. Comparativamente, as pontuações máximas do último MacBook Pro são de 5.344 e 22.552, respectivamente; já as do iPad Pro anterior, de 3.908 e 9.310 (aumentos de 28% e 96%, respectivamente).

O teste em questão também comprova o que falamos nesse artigo de ontem: o iPad Pro com 1TB de capacidade deve vir com 6GB de RAM, enquanto os outros são equipados com 4GB.

Como sempre, esses resultados de benchmarks devem ser levados apenas como curiosidade, mas não deixam de ser uma boa referência. E, se pensarmos que o A12X Bionic está rodando num tablet com 5,9mm de espessura e que tem que ser eficiente a ponto de fazê-lo durar um dia inteiro na bateria, já dá para ter uma ideia do que a Apple poderá nos entregar em futuros Macs equipados com seus chips ARM.

Os avanços anuais que o time de engenharia de chips da Apple tem feito são fenomenais. Mal já posso esperar pelo A13X…

via 9to5Mac

Taggeado:

Posts relacionados

Comentários