Apple continuará oferecendo reparo para alguns produtos clássicos

Em agosto passado, nós cometamos um programa piloto da Apple o qual permite que reparos continuem sendo feitos em alguns poucos produtos que já são considerados clássicos. Caso você não saiba, um produto clássico, de acordo com a Apple, nada mais é do que um dispositivo que já foi descontinuado (que ela parou de vender) há cinco anos. A partir daí, a empresa não não oferece mais nenhum tipo de serviço de reparo/trocas para ele1.

Até então, dois produtos faziam parte desse programa piloto: o MacBook Air (2012) e o iMac (2011) — no caso do MBA, estamos falando de uma iniciativa global; no caso do iMac, apenas nos EUA e na Turquia. Agora, conforme informou o 9to5Mac e o MacRumors, o iPhone 5 (que se tornou um produto “clássico”) também entrou para o programa. De acordo com documentos internos da Maçã, tanto as lojas oficiais quanto os Centros de Serviço Autorizados Apple (globalmente falando) deverão continuar prestando assistência ao modelo CDMA até 31 de outubro de 2020, enquanto que a cobertura para o modelo GSM deverá se estender até 30 de dezembro de 2020.

O tal documento também menciona outros produtos que em breve serão considerados clássicos e que farão parte do programa piloto.

A partir do dia 30 de novembro de 2018:

  • iPhone 4s
  • MacBook Pro de 15″ (2012)

A partir de 30 de dezembro de 2018:

  • MacBook Pro de 13″ com tela Retina (fim de 2012)
  • MacBook Pro de 13″ com tela Retina (início de 2013)
  • MacBook Pro de 15″ com tela Retina (meados de 2012)
  • MacBook Pro de 15″ com tela Retina (início de 2013)
  • Mac Pro (meados de 2012)

Como estamos falando de um programa piloto, caso as lojas ou os Centros de Serviço Autorizados Apple não tenham uma determinada peça em estoque, o serviço obviamente será negado.

A razão exata para a existência desse programa piloto ainda é uma incógnita. Contudo, é bem provável que ele esteja sendo implementado por conta de um grande estoque de peças que a empresa ainda tem desses produtos — e, como ainda temos muitos pessoas utilizando tais aparelhos, não custa absolutamente nada juntar o útil ao agradável.

Taggeado:

Posts relacionados

Comentários