Apple perde três integrantes do núcleo de design industrial de Jony Ive

A Apple tem diversas (e enormes) equipes especializadas em design ao redor do mundo, mas a “tropa de elite” do desenho industrial, subordinada diretamente ao CDO1 Jony Ive num porão ultrassecreto de Cupertino, é um grupo muito mais restrito — são pouco mais de 20 indivíduos altamente talentosos e responsáveis diretos pela criação de alguns dos produtos mais icônicos das últimas décadas.

O problema é que a equipe parece estar sofrendo um processo de dissolução: como informou o Wall Street Journal2, ao menos três integrantes deixaram ou estão para deixar o núcleo de design de Ive.

Citando fontes próximas do assunto, o jornal afirmou que Rico Zorkendorfer e Danielle de Iullis — que, juntos, somam 35 anos de experiência na Apple — deixaram a equipe de design recentemente. Julian Hönig, por sua vez, planeja tomar o mesmo rumo nos próximos meses.

Enquanto de Iullis e Hönig não quiseram comentar a saída, Zorkendorfer declarou que estava pedindo as contas da Maçã para dar um tempo na vida profissional e passar mais tempo com a família, acrescentando que se sente privilegiado por ter tido a oportunidade de trabalhar com o núcleo de design da empresa.

As três saídas representam um evento raríssimo para o grupo, considerado uma “máquina” extremamente harmônica e com pouquíssimas baixas ao longo dos anos. Segundo o jornal, o evento não é gratuito: o prestígio da equipe — que, durante os anos de Steve Jobs, era considerada intocável e recebia mais atenção do CEO do que qualquer outro setor — não é o mesmo de antes.

A razão da mudança provavelmente é o novo foco da Apple no setor “Serviços”, mas isso não significa que a Maçã esteja relegando a importância do design a um lugar menor. Segundo Zorkendorfer, a transição é simplesmente sinal de que uma nova geração de designers está chegando — resta saber se essa nova geração será capaz de repetir os sucessos retumbantes dos seus antecessores.

via 9to5Mac

Taggeado:

Posts relacionados

Comentários