Adobe aumenta preços da Creative Cloud em todo o mundo, inclusive no Brasil

Má notícia para assinantes da Creative Cloud. A Adobe está aumentando os preços da sua suíte em todo o mundo, inclusive no Brasil.

O plano mais básico (“Fotografia”, que inclui o Lightroom, o Lightroom Classic, o Photoshop e 20GB de armazenamento em nuvem), custava antes R$35 mensais aqui no Brasil e US$10 mensais nos Estados Unidos; agora, ele passou para R$43 mensais por aqui e para US$20 mensais, lá. O salto nos EUA foi tão grande (100%) que temporariamente o plano até desapareceu da página da Creative Cloud, segundo observou o PetaPixel.

Todos os outros planos também sofreram reajustes diversos (inclusive para escolas e universidades), como noticiou o Tecnoblog. O plano “Todos os Apps” (que inclui a coleção completa de apps da Adobe, 100GB de armazenamento na nuvem, Adobe Portfolio, Adobe Fonts e Adobe Spark), por exemplo, saiu de R$175 para R$224 mensais.

Vale notar que todos os valores apresentados acima são para pré-pagamento de um ano inteiro; se a pessoa quiser pagar mensalmente, eles são ainda mais caros. E sim, os reajustes afetam tanto novos quanto antigos assinantes.

Reajustes de preços (para cima) nunca são bem-vindos, é claro, mas sempre achei o preço do plano “Fotografia” bastante justo para quem realmente usa esses apps de forma profissional. Já para consumidores em geral e/ou pessoas que quem sabe abrem um Photoshop da vida 1-2 vezes por mês, pagar R$43 mensais não é lá muito fácil quando há no mercado alternativas excelentes e com preços interessantes que se paga apenas uma vez (sem assinatura).

Como sempre, nada melhor do que o próprio mercado para “dizer” à Adobe se a decisão dela foi certeira ou não.

Taggeado:

Posts relacionados

Comentários