Oprah poderá ter programa de entrevistas no Apple TV+; diretor de “O Rei Leão” produzirá documentário pré-histórico

O Apple TV+ ainda tem uns bons meses antes de chegar às ávidas mãos do público, mas isso não significa que as notícias relacionadas à futura plataforma de conteúdo original da Maçã estão desacelerando — muito pelo contrário. Vamos passar pelas mais recentes.

Oprah Winfrey

Oprah Winfrey sobre o Apple TV+

A rainha da TV americana é um dos “medalhões” do Apple TV+, com um segmento inteiro da keynote de março passado dedicado aos seus projetos na plataforma da Maçã. Oprah pretende produzir séries documentais relacionadas a saúde mental e assédio no local de trabalho, mas pode ter outra carta na manga: um programa de entrevistas comandado por ela própria.

O plano ainda não é nada concreto: trata-se somente de um comentário feito pela apresentadora durante uma entrevista ao Hollywood Reporter, na qual Oprah afirmou que gostaria de, eventualmente, usar a grande plataforma da Apple para sentar-se e conversar com celebridades, políticos e figuras relevantes no momento do país e do mundo (agora, essa figura seria o pré-candidato à presidência dos EUA Pete Buttigieg).

Oprah é considerada uma das entrevistadoras mais hábeis dos Estados Unidos, com um talento único para extrair informações valiosas dos seus entrevistados sem nunca soar inquisidora ou hostil. Todavia, desde o fim do “Oprah Winfrey Show”, em 2011, a apresentadora deixou de realizar entrevistas regularmente.

Na entrevista ao Hollywood Reporter, a apresentadora também falou sobre o equilíbrio entre o conteúdo que criará para a Apple e o gerenciamento do seu próprio canal de TV, o OWN (Oprah Winfrey Network). Segundo Oprah, a Maçã tem uma plataforma com audiência muito maior e a capacidade de reverberar conteúdo de forma muito mais contundente, o que torna o Apple TV+ o local propício para vários dos seus projetos — como criar “o maior clube de leitura do mundo”.

“Prehistoric Planet”

Enquanto isso, como informou o Deadline, a Maçã fortalece seu catálogo de documentários com um nome do primeiro time de Hollywood: Jon Favreau, diretor (e ator) de dois filmes da trilogia “Homem de Ferro” e do vindouro remake de “O Rei Leão”.

Jon Favreau
Imagem: John Salangsang/BFA/REX/Shutterstock

Favreau, que é considerado um especialista em computação gráfica e efeitos visuais (ele também dirigiu a refilmagem de “Mogli, o Menino Lobo”), firmou uma parceria com a divisão de história natural da BBC Studios para produzir a série documental “Prehistoric Planet”, que será exibida com exclusividade no Apple TV+.

A série, como o próprio nome já sugere, usará altas doses de computação gráfica de última geração para ilustrar os últimos dias dos dinossauros sobre a terra, cerca de 66 milhões de anos atrás. Favreau atuará como produtor executivo junto a Mike Gunton, enquanto Tim Walker e Andrew R. Jones produzirão os episódios. Ainda não há previsão de estreia.

“Peanuts in Space”

Essa a gente já tinha comentado, mas agora surgiram mais informações: o app Apple TV receberá em maio o curta “Peanuts in Space: Secrets of Apollo 10”, estrelando a querida turma do cachorrinho Snoopy. Trata-se do primeiro fruto da parceria da Maçã com a DHX Media, empresa detentora dos direitos dos personagens criados por Charles M. Schulz.

"Peanuts in Space"

O curta, estrelado por Ron Howard e Jeff Goldblum, é descrito como uma “espécie de documentário” que investigará a possibilidade de Snoopy já ter sido um astronauta ultra-secreto — na verdade, trata-se de uma homenagem aos 50 anos da missão Apollo 10, que é hoje vista como um “ensaio” para o pouso na Lua que aconteceria meses depois. Naquela missão, a NASA e os astronautas batizaram o módulo lunar de Snoopy, enquanto o módulo central foi chamado de Charlie Brown.

Aparentemente, “Peanuts in Space” será liberado gratuitamente no aplicativo Apple TV, da mesma forma que a série “Carpool Karaoke”. Em breve, novos curtas estrelando a turma do Snoopy deverão pintar na plataforma da Maçã.

via 9to5Mac; Cult of Mac: 1, 2

Posts relacionados

Comentários