Modem próprio da Apple poderá ficar pronto apenas em 2025

Continuam pipocando por aí informações sobre o imbróglio envolvendo Apple, Intel e Qualcomm.

Como já comentamos, a relação da Maçã com a Intel estava bem esquisita por conta da dificuldade na criação de modems para iPhones. Esse entrave acabou forçando a Apple, que até então estava brigando judicialmente com a Qualcomm, a fazer as pazes com a sua antiga fornecedora de modems — o que acabou culminando na decisão da Intel de sair do mercado de modem 5G para smartphones.

Hoje, o The Information trouxe1 mais algumas informações sobre essa história.

Os problemas com a Intel

De acordo com eles, os problemas da Apple com a Intel começaram muito antes do desenvolvimento do modem 5G para iPhones. Na verdade, a frustração da Maçã teria começado no início de 2017, já no desenvolvimento dos iPhones XS, XS Max e XR.

O modem 7560, criado pela Intel para equipar os aparelhos, não estava funcionando adequadamente segundo duas pessoas por dentro do assunto. A Intel já havia revisado o modem quatro vezes a fim de equipará-lo ao da Qualcomm, mas o não-cumprimento de prazos e os problemas técnicos com o chip simplesmente não terminavam e deixaram os executivos da Apple ansiosos.

Em uma reunião no campus da Apple, Johny Srouji (chefão de hardware da empresa) teria dito a seguinte frase para Murthy Renduchintala (chefe de engenharia da Intel): “Isso nunca teria acontecido na Apple sob minha vigilância.”

Ainda segundo o The Information, o tamanho e a estrutura da divisão móvel da Intel dificultaram a criação dos modems, com equipes basicamente lutando para trabalhar juntas.

O interesse da Apple

No mais, a própria Intel confirmou ao The Information que a Apple se mostrou interessada em adquirir a divisão de modem 5G da Intel, mas que tudo acabou não avançando da forma esperada.

A dificuldade de se criar um modem

Como sabemos, o acordo da Apple com a Qualcomm envolve não apenas o fornecimento de modems para iPhones como também de licenciamento de tecnologias, algo imprescindível para a Maçã já que ela pretende criar os seus próprios modems em algum momento. E o The Information também trouxe informações sobre esse assunto.

Inicialmente, era esperado ver a Apple começando a utilizar seus próprios modem em 2021; o veículo, no entanto, afirmou que esse prazo parece estar bem mais distante do que se pensava inicialmente. Quão longe? Segundo eles, uma previsão interna da Apple é que o componente seja colocado no mercado apenas em 2025.

·   •   ·

Independentemente de quando o modem será lançado, fato é que agora os iPhones voltarão a ficar em pé de igualdade no quesito performance 4G/LTE, graças ao recente acordo da Apple com a Qualcomm.

via MacRumors

Posts relacionados

Comentários