Review: Logitech Crayon e Slim Folio para iPads de 5ª e 6ª gerações

Em um mundo onde o iPad está sendo posicionado como uma forte ferramenta de produtividade, é importante contar com uma configuração adequada para dar uma chance a um bichano desses no dia a dia de trabalho. Obviamente, isso vai um pouco além de simplesmente escolher o modelo a comprar: até o atual momento, a Apple possui quatro modelos de iPads, com diferentes opções à venda por preços variados. Dependendo do seu interesse, existe um mundo de acessórios à disposição!

Focando em acessórios, falemos hoje da Logitech. Fortemente consolidada no mercado brasileiro e com mais de três décadas de atuação no ramo de periféricos, ela ganhou forte notoriedade junto à Apple nas últimas revisões do iPad convencional, atualmente na sua sexta geração.

Em 2018, durante um evento dedicado ao mercado educacional, a suíça levou dois acessórios desenvolvidos em uma parceria inédita: o Crayon, uma opção interessante (e mais barata) que o Apple Pencil, e a case/teclado Slim Folio, que hoje já possui versões específicas para os novos iPads Air e Pro, cobrindo o restante da linha1.

Meu texto começa com uma declaração forte. Não é um consenso bem estabelecido que iPads podem ser usados para trabalho — ainda que a produção do que vocês verão a seguir, do início ao fim, jamais ganhou retoques feitos em um Mac ou PC. Mas com uma boa combinação de acessórios, podemos atingir resultados surpreendentes. E a Logitech traz agora seus novos produtos para o mercado brasileiro apostando em roubar a atenção dos usuários das tradicionais ofertas que a Apple produz diretamente.

A boa notícia, conforme veremos, é que há muito a destacar nos produtos que trazemos hoje nesta resenha.

Primeiramente, “giz e papel”

Logitech Crayon e Logitech Slim Folio

O Crayon foi inicialmente apontado para o iPad convencional de sexta geração lançado em 2018. Felizmente, isso mudou conforme a Apple foi convertendo todo o seu arsenal de tablets para suportar o Pencil, atualmente disponível em duas gerações. Os três produtos foram desenvolvidos especialmente para as telas de alta precisão que a Apple incorpora nos seus atuais tablets, mas apenas a oferta da Logitech funciona com todos eles.

Isso é legal por dois motivos. O primeiro compreende a versatilidade e a acessibilidade para clientes em transição. Se você for dono de um iPad [Air], é uma aquisição excelente que lhe evita de investir novamente em outro lápis digital quando quiser migrar para um iPad Pro.

Logitech Crayon e Logitech Slim Folio

O segundo compreende as caraterísticas técnicas do produto. O Crayon suporta basicamente as mesmas capacidades do Apple Pencil — exceto uma, que é a sensibilidade de pressão. Para trabalhos de design mais apurados isso faz falta, mas no dia a dia de quem procura uma solução para escrita, rascunhos e desenhos simples, bem como anotar documentos no tablet, o acessório da Logitech é totalmente funcional.

Além disso, temos as peculiaridades. Quando o Crayon foi lançado, apenas o Apple Pencil de primeira geração estava disponível. Embora não tenha muita experiência de uso com ele, sei que uma caraterística me incomodaria no uso diário: o acabamento brilhante. Como dono de um iPad Pro, fico feliz que a Maçã tenha deixado isso de lado na segunda geração, mas para quem optar pelos demais iPads que não a suportam, o Crayon é melhor para os que preferem uma acessório de pegada mais firme, especialmente em anotações precisas.

Logitech Crayon e Logitech Slim Folio

O que faz a diferença neste sentido são os materiais usados na construção do Crayon, que tem acabamento metálico fosco e borracha, garantindo também os aspectos de maior resistência e durabilidade. Meu Apple Pencil 2 tem manchas e riscos que não saem mais com menos de um ano de uso, coisa que não vejo como um futuro problema para donos do produto da Logitech.

Ainda nele, podemos destacar o fato de que o acessório não exige emparelhamento: basta que esteja ligado que ele se conecta via Bluetooth ao seu dispositivo e pode ser compartilhado com segurança entre outros dispositivos, algo bastante legal para escolas2. Ele também possui um botão liga/desliga, permitindo conservar a bateria (que pode chegar a sete horas em uso contínuo) e verificar o status de carga, sem depender do iPad.

Case + teclado

Logitech Crayon e Logitech Slim Folio

Na oportunidade em que testamos o Crayon, também analisamos a Slim Folio para iPads de quinta e sexta gerações. Os dois acessórios se complementam muito bem, visto que a case possui um suporte para lápis digitais que visa seu posicionamento na parte superior da tela quando o tablet está em uso no modo paisagem — da mesma forma que podemos fazer com iPads Pro e o novo Apple Pencil.

A um preço bem mais acessível do que vemos a Apple praticar em seus produtos equivalentes (que não cobrem esse iPad usado no review, vale lembrar), temos uma case altamente resistente e feita de ótimos materiais, conferindo um visual profissional que torna o iPad um ótimo companheiro para estudos e trabalhos em geral. Como qualquer acessório do gênero, ela adiciona peso ao aparelho para transporte nas mãos, mas não tanto dada a proteção oferecida: com a Slim Folio fechada, ele fica bem resistente a quedas.

Logitech Crayon e Logitech Slim Folio

Quanto à praticabilidade da case, podemos usá-la em formato laptop com ângulo fixo para digitação, ou sobre a mesa para desenho e anotações.

O teclado integrado à case é excelente. Por ter mecanismo “tesoura”, assim como outros modelos convencionais, é estável e totalmente funcional para escritores exigentes, algo que a Smart Keyboard Folio oferecida pela Apple não proporciona. Há um espaço razoável entre as teclas e a maior distância de pressão contribui para facilitar a vida de quem quer viver produzindo conteúdo nessa configuração.

Logitech Crayon e Logitech Slim Folio

Além disso, a Logitech pensou em usuários que queiram acessar mais dos seus iPads a partir do teclado, incluindo teclas de função pré-programadas. Com uma fileira adicional de teclas, é possível acessar rapidamente a tela de início, a Siri, o Spotlight, os controles de teclado, a reprodução multimídia e o bloqueio do dispositivo.

Tal nível funcional, contudo, traz seus requisitos.

Logitech Crayon e Logitech Slim Folio

A Slim Folio funciona com duas pilhas botão (inclusas na caixa), dependendo de emparelhamento Bluetooth (LE, de baixo consumo) para uso. Nada que usuários de iPads de quinta e sexta gerações tenham escapatória, visto que a Apple somente inclui Smart Connectors em iPads Pro.

Por outro lado, a Logitech promete até quatro anos de longevidade das baterias inclusas. Isso obviamente depende do nível de atividade dos usuários com o teclado, mas mesmo assim, é um bom índice!

Preço e disponibilidade

Tanto o Crayon quanto a Slim Folio podem ser encontrados na lojas online e físicas da Apple, além de revendedores autorizados por todo o Brasil.

O lápis digital da Logitech está à venda por R$500 e suporta qualquer iPad compatível com Apple Pencil. Já a case/teclado pode ser encontrada por R$600 e serve em iPads de quinta e sexta gerações.

Taggeado:

Posts relacionados

Comentários