Xiaomi, que não copiou os Memojis, usa vídeo da Apple em campanha

Ah, a Xiaomi. Uma das fabricantes de smartphones mais interessantes do momento, responsável por alguns dos avanços tecnológicos do segmento mais significativos dos últimos anos, não consegue resistir a cair em certas armadilhas tão comuns a empresas chinesas (e facilmente evitáveis).

No início da semana, falamos sobre os seus Mimojis, recurso de captura facial que transforma o rosto do usuário num emoji animado — mas ninguém pode dizer que a Xiaomi copiou a Apple e os seus Memojis, pois a chinesa está ameaçando processar quem o fizer. Bom… aparentemente a Xiaomi terá de processar a própria Xiaomi.

Como informou o site Caixin Global, a fabricante chinesa usou recentemente um vídeo dos Memojis (eu sei que é difícil, mas esse com a letra “e” é da Apple) para fazer propaganda do seu recurso semelhante. O vídeo, no qual os bonequinhos cantam “Talk”, de Khalid, foi publicado na página oficial do smartphone Mi CC9 e nas páginas de venda do dispositivo de algumas lojas virtuais chinesas.

Segundo o gerente de relações públicas da Xiaomi, Xu Jieyun, a publicação do vídeo da Apple foi um engano por parte da equipe de marketing da empresa — o que, de fato, é um deslize deveras perdoável, considerando a semelhança entre os Memojis e os Mimojis.

Claro que, por outro lado, a Xiaomi pode só estar querendo fazer uma gracinha para gerar publicidade gratuita e cá estamos todos nós, caindo como patinhos.

O fato é que a situação é engraçada em qualquer ótica que se analisa. Menos, talvez, para a Apple.

via 9to5Mac

Taggeado:

Posts relacionados

Comentários