Lançamento do iPhone SE

Após começar a exportar alguns modelos de iPhones fabricados na Índia para países da Europa, a Apple agora está tentando igualar a sua linha de smartphones do mercado indiano com o restante do mundo, como divulgado pelo Economic Times.

De acordo com o site, três executivos do setor de vendas de smartphones na Índia disseram que a Apple parou de fornecer os iPhones SE, 6, 6 Plus e 6s Plus no país como parte de sua estratégia de aumentar o preço médio de venda de iPhones por lá. Com isso, a Apple aumentou o preço de entrada do gadget em ₹8.000 (~R$436, em conversão direta).

Os executivos disseram que o fornecimento desses modelos foi encerrado no mês passado. Os distribuidores e a equipe de vendas da Apple informaram às revendas e operadoras que o novo modelo de entrada agora será o iPhone 6s (que será vendido sem o seu irmão maior), quando o estoque existente dos modelos anteriores acabar.

Cupertino não quer que a Índia corra atrás de volumes de venda descontando o seu lucro. Esses modelos que estão sendo removidos subirão o preço médio de venda dos iPhones na Índia e aumentarão tanto o lucro quanto a receita da empresa no país.

Vale notar que a gigante de Cupertino reduziu o preço do iPhone XR por lá recentemente, ou seja, ela está cautelosamente trabalhando com o mercado interno.

Como dissemos, isso fará com que os indianos gastem mais para adquirir o modelo mais barato do iPhone no país. Atualmente, o iPhone 6s é vendido por ₹29.500 (~R$1.608), enquanto o iPhone SE (até então o modelo de entrada) pode custar até ₹22.000 (~R$1.200).

Além de comercializados, os modelos de iPhones em questão também era fabricados na Índia. Com o fim do ciclo de vida desses aparelhos por lá, a capacidade de produção “ociosa” será usada para produzir outros dispositivos, como alguns modelos mais recentes de iPhones, ou então os futuros smartphones da Maçã. Veremos.

via Cult of Mac

Taggeado:

Posts relacionados

Comentários