Instagram passa a esconder número de curtidas; Google Maps mostra pontos de bicicleta no Rio e em SP Spotify e Plex também ganharam novidades

E cá estamos nós de novo com as novidades mais importantes de aplicativos populares da App Store! Vamos dar uma olhada nelas?

Instagram


Ícone do app Instagram

Instagram

de Instagram, Inc.

Compatível com iPhones
Versão 107.0 (186.8 MB)
Requer o iOS 10.0 ou superior

Grátis

Badge - Baixar na App Store

Código QR Código QR

Essa novidade você certamente já percebeu, caso esteja na rede — especialmente se for daquelas pessoas que cultiva a própria popularidade no Instagram ou trabalhar com mídias sociais. Como anunciado anteriormente, a rede de fotos e vídeos do Facebook deixou de exibir o número de curtidas nas postagens.

A partir de agora, a área que exibia contagens como “Fulano e outras ‘x’ pessoas curtiram isso” exibirá apenas “Fulano e outras pessoas curtiram isso”. Você ainda pode clicar nessa mensagem para ver todas as pessoas que curtiram a postagem em questão, mas — a não ser que conte uma por uma — não poderá ver o total de curtidas da foto ou do vídeo. Você só pode checar o número total de curtidas das suas próprias postagens.

Segundo o Instagram, a mudança é uma forma de concentrar o foco da rede no conteúdo das postagens, e não numa disputa por popularidade. A empresa afirma que a mudança é, por ora, um teste — e pode, portanto, reverter a decisão a qualquer momento. Como a exclusão do número de curtidas deu certo no Canadá, entretanto, é possível que ele seja implementado permanentemente por aqui (e no mundo todo).

A novidade, claro, não agradou a todos. Influencers e profissionais de social media afirmam que a mudança comprometerá o alcance e a relevância das suas publicações, enquanto outros defendem que, a partir de agora, a rede poderá ficar mais “justa” para a popularização de conteúdo realmente interessante ou relevante, em vez de simplesmente reproduzir as mesmas postagens das mesmas caras de sempre.

Nós, claro, teremos que aguardar para ver o resultado disso tudo.

Google Maps


Ícone do app Google Maps -trânsito & comida

Google Maps -trânsito & comida

de Google LLC

Compatível com iPadsCompatível com iPhonesCompatível com o iMessage
Versão 5.24 (224.2 MB)
Requer o iOS 10.0 ou superior

Grátis

Badge - Baixar na App Store

Código QR Código QR

No ano passado, o indefectível serviço de Mapas do Google começou a cobrir pontos de compartilhamento de bicicletas na cidade de Nova York, exibindo seus status em tempo real. Agora, o recurso está sendo expandido para 24 cidades em 16 países — incluindo os dois maiores municípios do Brasil.

As cidades cobertas pelo recurso são: Barcelona, Berlim, Bruxelas, Budapeste, Cidade do México, Chicago, Dublin, Hamburgo, Helsinki, Kaohsiung, Londres, Los Angeles, Lyon, Madri, Montreal, Nova Taipei, Nova York, Rio de Janeiro, São Paulo, Toronto, Varsóvia, Viena e Zurique. A Bay Area de San Francisco também é coberta como um todo.

Nas cidades brasileiras, o Google Maps cobre — nessa fase inicial — os sistemas Bike Itaú, tanto no RJ quanto em SP, e CicloSampa na capital paulista. A plataforma do Google mostra as estações mais próximas de você e informações em tempo real, como a quantidade de bicicletas disponíveis em cada parada e se há uma vaga disponível para devolver a sua.

Ainda não há integração com sistemas sem estação, como o da Yellow, e você ainda precisa ir aos aplicativos de cada sistema para realizar a locação — a ideia aqui é fornecer informações rápidas, apenas.

A novidade já está no ar no Google Maps para iOS e Android, e deverá ser expandida para mais cidades em breve.

Spotify


Ícone do app Spotify - Música e Podcasts

Spotify - Música e Podcasts

de Spotify Ltd.

Compatível com iPadsCompatível com iPhonesCompatível com Apple WatchesCompatível com o iMessage
Versão 8.5.19 (166 MB)
Requer o iOS 10.0 ou superior

Grátis

Badge - Baixar na App Store

Código QR Código QR

A plataforma de streaming musical mais popular do mundo, por sua vez, trouxe novidades para o seu aplicativo para iPads. A versão mais recente do Spotify para iOS permite, nos tablets mais recentes da Maçã, que os usuários o utilizem em modo Split View ou Slide Over.

As novidades são particularmente úteis num aplicativo de reprodução musical, já que você pode manter uma janelinha do Spotify a todo momento enquanto estiver trabalhando num texto ou algo parecido — o controle da playlist nunca sai das suas vistas. Antes tarde do que nunca, não é verdade?

Plex


Ícone do app Plex

Plex

de Plex Inc.

Compatível com iPadsCompatível com iPhonesCompatível com Apple TV
Versão 5.18 (227.5 MB)
Requer o iOS 9.3 ou superior

Grátis

Badge - Baixar na App Store

Código QR Código QR

Por fim, o aplicativo de gerenciamento e reprodução de mídias tem melhorias no iOS e no tvOS.

Na Apple TV, o Plex passou a suportar reprodução em HDR1 para vídeos mais vívidos e definidos; por enquanto, o recurso está disponível apenas para assinantes do plano Plex Pass, que devem ativá-lo na seção “Avançado” das configurações do aplicativo.

No iOS, por outro lado, o app do Plex agora traz suporte ao Touch ID e ao Face ID — ou seja, caso você mantenha sua biblioteca protegida por uma senha, agora poderá obter acesso a ela simplesmente com um escaneamento rápido do seu rosto ou da sua impressão digital. Além disso, a nova versão do app para iPhones e iPads traz integração melhorada com o TIDAL.

Taggeado:

Posts relacionados

Comentários