★ Recupere arquivos deletados de discos rígidos e unidades externas com o Recoverit Apagou um arquivo por engano ou precisa de um imagem deletada? Saiba como recuperar!

Nossas “vidas” estão nos nossos computadores. Temos arquivos de basicamente todas as nossas atividades e trabalhos. E tem algo pior do que trabalho perdido? Apagar um arquivo importante de um computador ou unidade de armazenamento externa (como pendrives, cartões de memória, câmeras e/ou HDDs) era algo difícil de ser recuperado, mas com o Recoverit esse processo ficou significativamente mais fácil.

O propósito do Recoverit é exatamente recuperar arquivos deletados de Macs, PCs e das unidades de armazenamento externas mais populares. Mas antes de sair recuperando arquivos por aí, é importante entender que existem maneiras diferentes de se fazer isso — mais precisamente, quatro.

Recuperar arquivos e pastas deletados

Essa é, talvez, a forma mais comum de perder arquivos e pastas do macOS. Basta deletar uma pasta para que todos os documentos, vídeos ou imagens dentro dela sejam apagados junto — e, às vezes, elas continham certos arquivos que você não queria ter deletado.

No caso do macOS, você pode recuperar as pastas excluídas com o Time Machine, que cria diversos backups em diferentes momentos da máquina, mas quem não utiliza o serviço da Apple pode contar com as ferramentas do Recoverit para reaver tais arquivos.

Para recuperar pastas excluídas com o Recoverit, basta iniciar o aplicativo e selecionar o local no qual está a biblioteca do seu computador (na maioria dos casos denominada “Macintosh HD”), definir a localização da busca (em “Selecionar Pasta”) e escolher a pasta que será vasculhada.

Recoverit: pastas do macOS

Em seguida, é possível pesquisar e selecionar os arquivos que você pretende recuperar. O software possibilita, ainda, que você pré-visualize cada item para ter certeza de qual arquivo escolher. Ao reavê-los, não os salve nas mesmas pastas onde eles estavam, pois isso pode interromper o processo e excluir permanentemente os arquivos.

Recuperar arquivos deletados do Lixo

Se você deletou os arquivos do Lixo, pode ser que você tenha um pouco mais de trabalho para recuperá-los. Mas não com o Recoverit. Nesse sentido, é importante entender que, ao excluir um arquivo definitivamente, o que é deletado é apenas o acesso a ele — e não o arquivo em si. Isso permite que outros dados sejam inscritos sobre aquele espaço no disco.

Para recuperar esses arquivos deletados “permanentemente”, basta abrir o Recoverit, selecionar o disco e o lugar específico (“Lixeira”) no qual eles foram apagados. Em seguida, inicie a varredura e, assim como o método acima, verifique os arquivos apagados, recuperando aqueles que você deseja.

Da mesma forma, lembre-se de salvá-los novamente em uma nova pasta, diferente daquelas em que eles estavam, para evitar que o processo não seja concluído.

Recuperar arquivos de volumes danificados

Esse pode ser um terreno mais arenoso para alguns, mas os discos rígidos no Mac são, em geral, divididos em algumas partições que gerenciam dados específicos da máquina, possibilitando que a inicialização do computador seja mais rápida (e segura).

Recoverit: recuperação de repartição

A situação fica “espinhosa” quando um desses volumes dá erro (seja por erros de partição, ataque por malware ou mal funcionamento do macOS) e eles se tornam “não montáveis” — o que, em suma, significa que você não poderá mais acessar o seu conteúdo.

Bem desastroso, não é? Felizmente, o Recoverit consegue acessar o Mac e recuperar os seus dados. Mais uma vez, o processo é bem simples e está a alguns cliques de distância.

Na tela inicial do Recoverit, selecione a opção “Recuperação Após Travamento do Computador” e indique o volume não-montável do qual você deseja extrair os arquivos. É importante notar que será necessário conectar um HDD1 ou uma unidade de armazenamento externo para salvar esses arquivos, uma vez que a partição do Mac não poderá ser usada.

Recuperar arquivos deletados com apps

Atualmente, existe uma variedade de apps que prometem limpar sua máquina “sem deixar vestígios” do arquivo apagado. Esses softwares, no entanto, cumprem em parte com sua premissa. A limpeza é, sim, mais aprofundada, contudo isso não significa uma remoção definitiva de determinado conteúdo.

Dessa forma, pode ser que você execute um software de limpeza no seu Mac e acabe deletando diversos arquivos — alguns deles de maneira equivocada. Pensando nisso, a Recoverit consegue vasculhar, de maneira geral, por todos os arquivos já deletados no seu Mac (incluindo aqueles que foram apagados por apps de terceiros).

Tela de varredura do Recoverit

Para iniciar uma varredura completa, basta selecionar o seu disco rígido ou unidade de armazenamento externa e inicie a análise. Diferentemente de todos os procedimentos anteriores, essa busca pode demorar um pouco mais, pois ela analisará todos os volumes, pastas e arquivos do macOS.

Semelhantemente, é possível seguir os mesmos passos descritos no tópico acima para reaver esses arquivos. Ao fim, é possível pré-visualizar tudo o que foi deletado naquele volume e, esperançosamente, salvar os arquivos que você havia perdido.

·   •   ·

Independente da maneira de recuperação, o Recoverit torna o processo intuitivo e extremamente fácil, e com poucos cliques você pode reaver imagens, vídeos, PDFs, arquivos de áudio e dezenas de outros formatos de documentos. Vale lembrar que o software suporta dados de discos rígidos formatados, discos rígidos RAW e partições perdidas ou redimensionadas.

O Recoverit pode encontrar, ainda, arquivos ou documentos corrompidos por ataques de malwares. Isso acontece pois, mesmo quando algum arquivo é corrompido, certas informações sobre ele ficam salvas em subpastas desses sistemas como versões reduzidas e até sob outros formatos. O que o Recoverit faz, nesse sentido, é escanear esses dados e disponibilizá-los novamente na versão e formato original.

Alerta de escaneamento do Recoverit

O Recoverit está disponível gratuitamente para download tanto no macOS quanto no Windows. Contudo, a versão gratuita permite apenas a leitura e pré-visualização dos arquivos que podem recuperados. Para recuperar esses documentos, é necessário adquirir a licença de um ano do serviço (R$301,99), ou a versão vitalícia (R$338,99).

·   •   ·

Selo - Artigo Patrocinado
Taggeado:

Posts relacionados

Comentários