Google Maps ganha sugestão de rotas multimodais; Outlook, Prizmo, IGTV e Apple Music beta para Android são atualizados

E cá estamos nós de novo com as atualizações recentes dos apps mais populares ou relevantes da App Store — ou de fora dela. Vamos dar uma olhada?

Google Maps

Algumas semanas depois de adicionar suporte a estações de bicicleta em vários locais do mundo (incluindo São Paulo e Rio), o Google Maps trouxe hoje mais uma boa novidade para quem navega pela cidade: sugestão de rotas verdadeiramente multimodais.

Google Maps com sugestões de rotas multimodais

Anteriormente, o Maps era capaz de oferecer rotas de transporte público combinando meios, como metrô e ônibus, mas agora essa capacidade foi significativamente expandida. A plataforma é capaz, por exemplo, de sugerir uma rota que comece com uma breve pedalada até uma estação de metrô, o caminho subsequente pelos trilhos e, ao final, uma rápida viagem de Uber ou 99 para superar o quilômetro final do seu trajeto.


Ícone do app Google Maps -trânsito & comida

Google Maps -trânsito & comida

de Google LLC

Compatível com iPadsCompatível com iPhonesCompatível com o iMessage
Versão 5.26 (226.3 MB)
Requer o iOS 10.0 ou superior

Grátis

Badge - Baixar na App Store

Código QR Código QR

A ideia do Google é justamente fornecer uma forma de lhe levar da sua origem ao seu destino sem que você precise caminhar por muitas ruas ou por locais que não sejam apropriados para pedestres. As rotas com Uber já começaram a ser disponibilizadas no Google Maps hoje em mais de 30 países (incluindo o Brasil); no iOS, a opção de bicicleta também já foi adicionada, e ela surgirá no Android nas próximas semanas.

Outlook


Ícone do app Microsoft Outlook

Microsoft Outlook

de Microsoft Corporation

Compatível com iPadsCompatível com iPhonesCompatível com Apple Watches
Versão 4.3.0 (304 MB)
Requer o iOS 11.0 ou superior

Grátis

Badge - Baixar na App Store

Código QR Código QR

O cliente de email da Microsoft ganhou suporte ao Modo Escuro do iOS 13 a tempo da chegada do novo sistema. Mas não estamos falando de uma simples inversão de cores: a gigante de Redmond está realmente empenhada em dar ao Outlook um novo visual em sua versão escura, com um refinamento visual raramente conferido a esse tipo de recurso.

A novidade chegou tanto para o iOS quanto para o Android, e é ativada, no sistema da Maçã, junto à sua preferência global. Segundo Jon Friedman, chefe de design da suíte Office, o design do Outlook no Modo Escuro foi pensado do zero a partir da paleta de cinzas da linguagem de design Fluent, e a equipe pensou em todos os detalhes dessa versão — até a forma que as sombras se comportam no visual escurecido.

E tem mais: a Microsoft está empenhada em levar esse mesmo Modo Escuro para os demais aplicativos da suíte Office antes da chegada do iOS 13. O vídeo abaixo mostra uma prévia do que teremos:

Ainda não há notícia de quando o Word, o PowerPoint, o Excel, o OneNote ou o To-Do receberão as novidades, mas o novo Outlook pode ser baixado ou atualizado desde já na App Store ou no Google Play.

Prizmo


Ícone do app Prizmo 5 › Pro Scanner

Prizmo 5 › Pro Scanner

de Creaceed SPRL

Compatível com iPadsCompatível com iPhonesCompatível com o iMessage
Versão 5.0.3 (52.4 MB)
Requer o iOS 12.2 ou superior

Grátis

Badge - Baixar na App Store

Código QR Código QR

A desenvolvedora Creaceed, por sua vez, atualizou o popular scanner para iOS com uma série de novidades. O Prizmo 5 conta com uma interface atualizada que favorece o escaneamento de múltiplos documentos (ou documentos de múltiplas páginas) mais rapidamente, e as tecnologias embutidas foram pensadas para ajudar nesse processo.

Temos, por exemplo, uma nova tecnologia de detecção de página e disparo automático com suporte do CoreML, além de duas opções de OCR1 — uma com processamento no próprio dispositivo, com suporte a 28 idiomas, e outra baseada na nuvem, de alta performance e com capacidade de reconhecer escrita à mão (apenas em inglês, por enquanto).

Temos, ainda, suporte a processamento de OCR em plano de fundo, novas opções para PDFs (como aplicação de senha e de formatos de compressão), upload automático de documentos para serviços de nuvem, interação inteligente com dados detectados (como números de telefone, datas, localizações, endereços de email ou links), leitor de texto embutido e muito mais.

A nova versão do Prizmo conta, pro fim, com suporte aos Atalhos da Siri, para que você possa escanear um documento rapidamente com um comando dirigido à assistente. O aplicativo pode ser baixado gratuitamente na App Store, mas o desbloqueio dos seus recursos completos é feito com uma compra interna de R$35 (ou de R$19, caso você tenha uma licença do Prizmo 4).

IGTV


Ícone do app IGTV do Instagram

IGTV do Instagram

de Instagram, Inc.

Compatível com iPhones
Versão 110.0 (176.9 MB)
Requer o iOS 10.0 ou superior

Grátis

Badge - Baixar na App Store

Código QR Código QR

A plataforma de vídeos do Instagram recebeu algumas mudanças há muito solicitadas por criadores de conteúdo. Agora, a exigência de duração mínima ou máxima para vídeos postados de dispositivos móveis é de 1 e 15 minutos, respectivamente, e usuários poderão realizar o crop das prévias dos vídeos diretamente pelos apps.

Agora, o IGTV oferece, também, sugestões para hashtags, descrições e títulos. O app pode ser baixado gratuitamente na App Store.

Apple Music para Android

Por fim, a versão de testes do Apple Music para Android ganhou uma boa novidade: suporte ao protocolo Chromecast, para que você transmita suas músicas, playlists e rádios diretamente para dispositivos compatíveis.

Suporte ao Chromecast no Apple Music beta para Android

O funcionamento do recurso é idêntico ao de outros aplicativos compatíveis com o Chromecast: caso seu smartphone ou tablet esteja conectado à mesma rede Wi-Fi do dispositivo-alvo, um ícone de transmissão aparecerá no topo da tela. Basta tocar nele para enviar o conteúdo em reprodução automaticamente a ele, sem grandes dificuldades.

Além disso, a mais recente versão beta do aplicativo traz suporte às mais de 100.000 estações de rádios externas, com fontes como iHeartRadio e TuneIn — como anunciado na keynote de anúncio do iOS 13. Não sabemos quando os recursos serão incluídos na versão final do Apple Music para Android, mas é provável que seja logo.

Taggeado:

Posts relacionados

Comentários