Rumores de última hora: novos iPhones não terão carregamento bilateral e suporte ao Apple Pencil, “confirmação” dos nomes

Render do "iPhone 11 Pro"

Ming-Chi Kuo, o analista que mais acerta no mundo Apple, resolveu dar novos “pitacos” sobre o lançamento dos novos iPhones agora, aos 48 minutos do segundo tempo.

E as notícias não são muito animadoras, não…

Apple Pencil

De acordo com ele, os novos modelos *não* virão com suporte ao Apple Pencil (algo que não era dado como certo, mas existia uma grande possibilidade levando em conta os últimos rumores) e não contarão com um conector USB-C (esse, sim, um rumor que já não tinha mais tanta força).

Recarga rápida

Como sabemos, serão três modelos — sucessores do XS, do XS Max e do XR. E, segundo o analista, apenas os modelos que substituirão a dupla XS/XS Max (ou seja, os mais premium) virão com um adaptador de energia compatível com recarga rápida na caixa, de 18W/USB-C — o sucessor do XR continuaria com o atual, de 5W/USB-A.

Carregamento bilateral

Mas não parou por aí, não: sabe aquele recurso que a concorrência já implementou há bastante tempo, que faz o smartphone recarregar acessórios ou até outros telefones simplesmente virando-o de cabeça para baixo e colocando o tal acessório/aparelho em cima dele? Pois bem, essa recarga bilateral (ou “reversa”, como alguns chamam) pode ter sido cortada dos planos da Apple.

Kuo comentou que a empresa pode ter desistido do recurso por conta da eficiência do carregamento, que pode “não atender aos requisitos da Apple”. Mark Gurman, da Bloomberg, corroborou a informação, dizendo que também ouviu algo nesse sentido:

Também ouvimos dizer que a Apple está tendo alguns problemas com o carregamento sem fio reverso para AirPods/Watch na parte traseira dos novos iPhones de última geração, apesar de planejado. Esse é um recurso que a Samsung possui há meses e seria a segunda falha envolvendo carregamento (AirPower), caso seja verdade.

Ele depois ainda soltou outro tweet dando a entender que mais uma fonte lhe confirmou a “retirada” do tal recurso.

“Confirmação” dos nomes

Gurman também postou um tweet de última hora com sua aposta final para os nomes da nova linha:

Previsão atualizada: iPhone 11, iPhone Pro, iPhone Pro Max.

É isso, mesmo: segundo ele, os modelos premium não terão mais o sufixo numérico — mas o sucessor do XR, sim. Vai entender…

Outras novidades

No mais, o analista da TF International Securities afirmou que o notch permanecerá igual, que os aparelhos terão novas cores (sem especificar quais, mas provavelmente se referindo ao sucessor do XR), e que serão equipados com tecnologia ultra-banda (que tem tudo para melhorar bastante a funcionalidade de mapeamento interno — que será fundamental para os supostos “Apple Tags”).

Já Gurman aposta que também veremos hoje o lançamento de um novo iPad de entrada, com tela de 10,2 polegadas, e que a nova geração do Apple Watch não trará nada de grandioso.

via 9to5Mac | imagem: Ben Geskin

Posts relacionados

Comentários