Como esperado, a Apple lançou ontem, algumas horas depois do fim da keynote, as versões Golden Master tanto do Xcode 11 quanto do iOS 13, bem como outras betas. Mais do que uma GM, no entanto, o código do software da Apple para criação de apps colocou ainda mais gasolina nos rumores acerca de um dispositivo de AR/VR1 da Maçã.

Entender que o código do Xcode 11 trata de um headset de AR/VR não requer um especialista, mas é necessário profissionais na área para encontrar esses códigos. Nesse caso, o desenvolvedor brasileiro Guilherme Rambo e o criador de apps Steve Troughton-Smith redescobriram que a versão mais recente do software da companhia possui um framework denominado ARDisplayDevice com referência a possíveis protótipos do headset da Apple, alguns sobre os quais nós já comentamos: Franc, Luck e Garta (pertencente ao HoloKit, um framework de realidade mista).

Então, a GM do Xcode 11 lançada hoje inclui o framework ARDisplayDevice, o qual possui arquivos de dados para o headset AR da Apple (Franc, Luck) e HoloKit (Garta). O QUE?

As referências a esses nomes já haviam sido “desenterradas” no código do iOS 13, vinculadas a um app “STARTester” que seria capaz de entrar no modo de realidade virtual, replicando a funcionalidade de um headset em um iPhone para fins de testes.

Há, ainda, uma referência a um sistema “StarBoard” para aplicativos habilitados para AR, que também foi localizada nos códigos da terceira beta do iOS 13.1 e na GM do iOS 13, a qual acompanha um arquivo “Leia-me” que faz referência específica a um dispositivo “HME” da Apple.

https://twitter.com/stroughtonsmith/status/1171571825475825666
A GM do iOS 13 também vem com um arquivo leia-me (!) para os funcionários saberem como podem executar aplicativos de AR em um iPhone quando você não tem acesso headset da Apple 😳

O StarBoard parece operar de maneira semelhante ao CarPlay, uma vez que os códigos encontrados indicam que todo o conteúdo deve ser transferido para um display externo. Embora os detalhes da novidade ainda sejam desconhecidos, Troughton-Smith acredita que uma interface para apps de AR seja exibida quando o presumível headset da Apple estiver conectado a um iPhone.

Por estarem em códigos de versões GM do Xcode 11 e do iOS 13, é provável que a Apple estava preparada para anunciar a nova tecnologia durante a keynote de ontem, mas decidiu abortar a missão de última hora, como destacado por Rambo:

https://twitter.com/_inside/status/1171572170864173056
Para mim, parece que o anúncio foi planejado para a keynote, mas foi retirada no último minuto. 🧐

Os rumores em torno de um dispositivo AR/VR da Apple não são exatamente recentes, mas neste ano eles foram desde a suspensão do programa de desenvolvimento do famigerado “Apple Glass” até os indícios mais recentes de que a tecnologia estaria praticamente pronta. É aquela história: vamos ver para crer.

iPhone 11 Pro em AR

Emprestando o recurso na divulgação do Mac Pro, a Apple liberou uma nova opção para “ver” o iPhone 11 Pro em AR, como se ele estivesse em cima da sua mesa. Para isso, basta acessar esse link de um dispositivo iOS e uma página do Safari exibirá a pré-visualização do novo aparelho.

iPhone 11 Pro em AR

Em seguida, toque no botão “Objeto” e visualize o iPhone 11 Pro em um fundo branco, ou então em “RA” para vê-lo no ambiente onde você está. É possível dar zoom e mover o smartphone para verificar todos os seus detalhes, além da opção de salvar a visualização nas suas imagens.

Divirtam-se! 😁

via iClarified

Taggeado:

Posts relacionados

Comentários