Atenção: Apple Watch Series 5 americano (ainda?) não funciona com operadoras brasileiras [atualizado: reviravolta!] Limitação é imposta via software, pela Apple

Quando publicamos a nossa matéria sobre as questões de compatibilidade dos novos iPhones e Apple Watches com o 4G brasileiro, apontamos que a geração Series 5 do relógio traz uma grande mudança em relação aos anos passados: pela primeira vez, os modelos americanos contam com suporte às bandas 3 e 7 usadas em nosso país.

Não só isso, mas embora até haja uma certa variação de bandas/frequências entre os modelos americanos (A2094 pro de 40mm, A2095 pro de 44mm) e os europeus (A2156 pro de 40mm, A2157 pro de 44mm), para os brasileiros isso pouco faz diferença já que os europeus não trazem suporte a nenhuma banda adicional usada em território nacional (como a 28, de 700MHz APT).

Ou seja, tecnicamente tanto faz para a Apple comercializar no Brasil os modelos americanos ou europeus. Muito provavelmente ela trará os europeus, já que os iPhones já vêm de lá e há também a vantagem de muitos países europeus trabalharem com um formato de adaptador de tomada idêntico ao nosso.

Independentemente de que modelos serão homologados, pontuamos no artigo anterior que era bem provável que a Apple passasse a suportar o uso de Apple Watches Series 5 (GPS + Cellular) no Brasil, já que tecnicamente isso agora é possível. Ainda não é o caso, porém:

Apple Watch Series 5 americano limitado no Brasil

O Victor Elihimas e o Lennon Muniz, que viajaram conosco em MM Tours diferentes, foram dois que compraram Apple Watches Series 5 com conectividade celular nos Estados Unidos e infelizmente, no retorno ao Brasil, se depararam com a mensagem acima ao tentarem adicionar um plano de celular ao relógio.

Já o Breno Masi, que esteve conosco na França para a cobertura da chegada dos novos aparelhos, voltou com um Apple Watch Series 5 (GPS + Cellular) de lá e já está usando ele na rede da Claro sem problema nenhum.

Em suma, neste momento os Apple Watches Series 5 americanos não conseguem se conectar às redes celular brasileiras. Mas, ao contrário do que ocorria em anos passados, isso não é uma incompatibilidade técnica; é uma limitação imposta pela própria Apple, no software do watchOS. Sendo assim, a situação pode mudar no futuro.

Levantando algumas possibilidades:

  1. A Apple propositadamente limitará o uso dos Apple Watches Series 5 americanos no Brasil, porque só pretende enviar os europeus para homologação da Anatel e/ou não planeja oferecer suporte para eles em território nacional.
  2. A Apple tem ciência da limitação, mas ainda planeja habilitar suporte aos modelos americanos no Brasil após algum tipo de aprovação regulamentar ou até mesmo coincidindo com o lançamento da geração Series 5 em nosso país.
  3. A Apple “esqueceu”/não se atentou ao fato de que os modelos americanos pela primeira vez são tecnicamente compatíveis com as bandas 4G brasileiras e, ao tomar conhecimento disso, derrubará a limitação num futuro update do watchOS — quem sabe já na versão 6.1, que entrou em beta hoje.

Teremos de aguardar para saber o que vai acontecer. Mas, por ora, a nossa recomendação é que ninguém compre um Apple Watch Series 5 com conectividade celular nos EUA — a menos que você esteja fazendo isso pelo tipo de material da caixa (aço inoxidável, titânio ou cerâmica), e não pelo 4G em si.

Atualização 27/09/2019 às 14:40

Em uma reviravolta no caso, apuramos que sim, os Apple Watches Series 5 americanos com conectividade celular já podem ser usados na rede da operadora Claro. Nada da Vivo ainda, porém.

Posts relacionados

Comentários