Estudantes programando com Swift

Neste mês, mais precisamente entre os dias 5 e 20 de outubro, diversos países da Europa celebrarão a Semana Europeia da Programação, uma iniciativa popular apoiada pela Comissão Europeia que visa estimular o conhecimento de programação para estudantes de todas as idades.

Entre as empresas que apoiam o programa está a Apple, que por meio de projetos como o Everyone Can Code (“Todo mundo pode programar”) ajuda a democratizar o ensino de desenvolvimento de apps.

Além de promover sua linguagem de programação Swift, a Apple afirma que cada vez mais escolas e unidades de ensino confiam no poder e na versatilidade do currículo proposto pelo Everyone Can Code, sustentando a ideia de que todos — inclusive estudantes — podem programar e desenvolver aplicativos atualmente.

Antes, as crianças sentavam lá [nas escolas] e esperavam que as coisas acontecessem. Mas crianças com uma mentalidade de programação sabem que, se fizerem alguma coisa, algo acontecerá. Haverá uma saída se colocarem uma entrada — elas são mais engenhosas em termos de capacidade de resolver problemas.

A Maçã disse, ainda, que mais de 5.000 instituições de ensino estão usando o currículo do programa Everyone Can Code na Europa, tornando a linguagem Swift uma das mais usadas entre as escolas participantes da Semana Europeia da Programação.

Em 2018, 2,7 milhões de pessoas em mais de 70 países participaram da EU Code Week, incentivando a realização de diversas atividades relacionadas a programação nas escolas participantes.

Em Portugal, serão cumpridas 276 atividades em dezenas de instituições vinculadas ao programa — é possível cadastrar a sua unidade de ensino nesse site. No Brasil, o Centro Educacional Nosso Mundo (CENOM), na cidade do Rio de Janeiro, também oferecerá algumas atividades durante o programa.

Taggeado:

Posts relacionados

Comentários