Criminoso é morto em tentativa de assalto a loja da Apple em Dallas (EUA) A onda de crimes em lojas da Maçã chegou ao ápice da violência

Apple Knox Street

Desde que a lamentável onda de roubos a lojas da Apple nos Estados Unidos começou, era basicamente inevitável que chegássemos a esse ponto — e aqui estamos: um suspeito foi morto numa tentativa de assalto à Apple Knox Street, em Dallas (Texas).

Segundo a NBCDFW, a ação ocorreu às 2h30 da manhã da última terça-feira (8/10). O assaltante, que agiu sozinho. estava armado com um fuzil de assalto e vestia um colete à prova de balas; ele invadiu a loja pela porta dos fundos, que estava aberta — uma equipe fazia pequenos reparos na loja, e a passagem foi deixada livre para facilitar a circulação dos trabalhadores.

O criminoso tentou render e desarmar um segurança que guardava o local, mas não obteve sucesso: o guarda desarmou o assaltante e disparou múltiplos tiros, atingindo-o. O homem, então, foi levado ao hospital, onde foi declarado morto.

A Apple Knox Street passou, então, a terça-feira fechada para investigações. A Maçã emitiu o seguinte comunicado:

Nossa equipe está trabalhando de perto com as autoridades de Dallas para investigar um incidente ocorrido na nossa loja em Knox Street. Às 2h30 da manhã de hoje, um homem armado entrou na loja pelos fundos enquanto uma construção era realizada; uma altercação, então, ocorreu com um guarda contratado que protegia o local. A perda de uma vida é uma tragédia e nós estamos aliviados que mais ninguém tenha se envolvido. A Apple se importa profundamente com a segurança dos seus empregados e clientes, e está comprometida em oferecer um ambiente seguro para todos os que entram em nossas lojas.

Independentemente das circunstâncias, é triste que a situação tenha chegado a esse ponto — claro, é um alento que nenhum inocente tenha morrido, mas fica a torcida para que os casos de violência diminuam a partir de agora.

via The Loop

Posts relacionados

Comentários